Por que pregamos 3

Por que pregamos 3Acredito ser esse um bom momento para refletir sobre a gloriosa carga de um ministério de pregação. Nossas vidas e ministérios são, provavelmente, emaranhadas teias de motivações, mas é bom peneirar e perguntar por que fazemos o que fazemos.
 
Aqui está outro ângulo sobre o mesmo assunto:
 
5. Pregamos para construir o reino de Deus. Haverá sempre uma tensão aqui. Desde Gênesis 3 todos nós temos sido profundamente infectado com o vírus da morte.
 [post_ad]
Buscamos sempre a independência de qualquer maneira concebível (incluindo no ministério), e nossa carne vai sempre procurar construir o nosso próprio reino. Mas somos chamados a unir-se a Cristo em Sua obra de edificação da igreja.
 
Não se trata de nossa busca da semelhança de Deus, mas do nosso humilde serviço para o Deus que desejamos honrar e agradar.
 
Há tantos fatores a ter em mente nessa busca. Deus muitas vezes funciona mais lentamente do que nós preferimos. Por isso, precisamos de paciência. Deus pode transformar pessoas e comunidades em um tempo milagrosamente curto. Então, precisamos esperar grandes coisas.
 
Deus pode optar por construir a sua obra de uma forma que não esperamos. Então, precisamos confiar em Sua providência.
 
Deus pode escolher abençoar o trabalho dos outros, mesmo no nosso bairro (afinal, a terra é do Senhor, incluindo seu bairro) Então, optamos por estimar os outros. Não estamos construindo o nosso próprio reino. Temos o privilégio de participar na edificação do reino de Deus.
 
6. Pregamos para equipar outros para o ministério. Não importa o quão grande você pode ser; você está longe de ser tão grande como toda a sua congregação equipada, entusiasmada e lançada para o ministério.
 
Eu sou grato que muitas igrejas compreenderam que o ministério não é embrulhado em uma classe clerical. Deus deu pessoas talentosas à igreja para equipar os crentes para seus ministérios. Anseio por ver um dia uma igreja inteira tão dominada por Deus, tão equipada por Deus, e tão animada por Deus que serão como um exército de testemunhas eficazes, de incentivadores capacitados, de adoradores sinceros, derramando sobre o resto da igreja, na comunidade e no mundo.
 
Pregamos para esse fim. Nós não pregamos para parecer ministerial. Nós não pregamos para construir nossa própria reputação. Pregamos para servir ao Rei dos Reis e Senhor dos Senhores, e nós pregamos para servir aos outros.
 
Recomendo:
Pr. Aldenir Araújo

Gostou desse esboço? Olha a novidade que tenho para você!

Eu preparei um e-book com 365 sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá á  disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! Clique Aqui para adquirir seu livro.

Nenhum comentário

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:

1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!