A fé de Abraão - Parte 8

A fé de Abraão - Parte 8Texto: Gênesis 18:1-33
Introdução: Na última mensagem vimos um período de silêncio de 23 anos entre o Senhor e Abraão quebrado com a reafirmação da aliança. Agora, no capítulo 18, talvez algumas semanas ou meses após os eventos do capítulo 17, Deus aparece a Abraão novamente.
Abraão é o único homem na Bíblia a receber a designação de “amigo de Deus”. Vemos em três lugares diferentes na Escritura.
(2 Crônicas 20:7) “Ó nosso Deus, não lançaste fora os moradores desta terra de diante do teu povo Israel, e não a deste para sempre à descendência de Abraão, teu amigo?”
(Isaías 41:8) “Mas tu, ó Israel, servo meu, tu Jacó, a quem escolhi, descendência de Abraão”.
(Tiago 2:23) “e se cumpriu a escritura que diz: E creu Abraão a Deus, e isso lhe foi imputado como justiça, e foi chamado amigo de Deus”.
[post_ad]
Em nossa passagem esta noite, encontramos um “Amigo” que vêm visitar. Foi no calor do dia, quando a maioria das pessoas estava descansando ou dormindo, e Abraão estava sentado na porta de sua tenda, quando viu três homens se aproximando. Não demorou muito para perceber que estes não eram apenas homens comuns. Ele correu ao encontro deles. (Este é um homem de 99 anos correndo pela planície no calor do dia!).

I. Observe sua excitação. V. 1-8

A. Alguns disseram que ele estava apenas sendo hospitaleiro, como era o costume naqueles dias.
B. Observe a redação destes versos.
1. V. 2 “Ele correu para encontrá-los”
2. V. 6 “Abraão apressou-se para a tenda”
3. V. 6 “Preparem rapidamente”
4. V. 7 “Abraão correu ao rebanho”
5. V. 7 “Ele se apressou em prepará-lo”
C. Toda esta atividade no calor do dia de um homem que estava com quase 100 anos de idade... por quê?
D. Creio que Ele estava animado com o fato de que Deus tinha vindo visita-lo!
E. Seu desejo era ser um servo ao seu amigo.

II. Observe a promessa. V. 9-15

A. O Senhor prometeu que Sara teria um filho. (v. 9-1 0)
1. Deus havia dito a Abraão esta verdade no último encontro.
2. Mas desta vez parece que Deus queria que Sara ouvisse por si mesma.
3. Ele perguntou sobre onde ela estava não porque Ele não sabia, mas para chamar a atenção dela.
4. Sara ouviu de dentro da tenda.
B. Observe a reação de Sara. (v. 11-15)
1. Sara riu consigo, não em voz alta.
2. Ela ainda duvidava que isso pudesse acontecer.
3. Talvez Abraão não tivesse compartilhado com ela o que Deus lhe havia dito a última vez que se encontraram.
4. Em qualquer caso, ela reagiu à notícia com dúvida e risos.
5. O Senhor a confrontou com sua dúvida.
6. "há alguma coisa demasiado difícil para o Senhor?"
a. Ele repetiu a promessa de que Sara teria um filho.
b. Sara estava com medo e negou que tivesse rido, mas Deus sabia o que estava em seu coração.

III. Após o jantar uma conversa com o Senhor. V. 16-33

A. O Senhor tem algo a dizer. V. 16-22
1. Sobre Abraão. V. 17-19
a. Ele vai se tornar uma grande nação.
b. Todas as nações da terra serão abençoadas nele.
c. Ele ordena a sua casa a guardar o caminho do Senhor, para praticarem retidão e justiça.
d. Deus vai cumprir tudo o que Ele prometeu a Abraão.
2. Sobre Sodoma e Gomorra. V. 20-22
a. O clamor era grande e o seu pecado tinha se agravado muito. (Gênesis 13:13) Mas os homens de Sodoma eram maus e grandes pecadores contra o Senhor.
b. Deus iria ver se eles ainda eram tão maus como eles tinham sido.
c. Para fazer isso Ele manda os dois anjos a Sodoma.
d. Eles também foram para avisar Ló do juízo iminente.
B. Abraão tem algo a dizer. V. 23-25
1. "Queres destruir o justo com o ímpio?" "Porventura não é o Juiz de toda a terra?”.
a. Deus nunca teve a intenção de destruir o justo com o ímpio.
b. E não havia dúvida de que Deus faria o que era certo.
c. A pergunta em questão era se Ele pouparia a cidade se encontrasse cinquenta justos.
2. A misericórdia de Deus é vista como Abraão intercede em favor de Ló e o resto dos habitantes de Sodoma e Gomorra. V. 26-33
a. Abraão continua a interceder e fazer apelo a Deus.
b. E Deus responde às propostas de Abraão até chegar ao número 10.
c. Nesse ponto o fim das "negociações”.
d.Será que Deus teria continuado se Abraão não tivesse parado? Alguns pensam que sim. (Jeremias 5:1) “Dai voltas às ruas de Jerusalém, e vede agora, e informai-vos, e buscai pelas suas praças a ver se podeis achar um homem, se há alguém que pratique a justiça, que busque a verdade; e eu lhe perdoarei a ela”.
e.Outros podem dizer não, porque Deus já tinha proposto a destruição das cidades. (Gênesis 19:13) “porque nós vamos destruir este lugar, porquanto o seu clamor se tem avolumado diante do Senhor, e o Senhor nos enviou a destruí-lo”.
f. Deus "mudou de ideia" sobre a destruição das cidades, um exemplo é Nínive.
g. No entanto, existe uma grande diferença entre a forma como o povo de Nínive respondeu e a maldade continua de Sodoma e Gomorra.
C. O Senhor partiu, e Abraão voltou para o seu lugar. V. 33
Este capítulo serve como um grande contraste entre Ló e Abraão. Ló era um amigo do mundo, e Abraão era amigo de Deus.
(Tiago 4:4) “Infiéis, não sabeis que a amizade do mundo é inimizade contra Deus? Portanto qualquer que quiser ser amigo do mundo constitui-se inimigo de Deus”.

Conclusão: O desafio para cada um de nós esta noite é a de escolher ser um amigo de Deus. Como? Como tudo na nossa caminhada espiritual... só pode ser pela fé ! Amigos gostam de passar algum tempo juntos... eles gostam de falar um com o outro ... eles podem contar um ao outro suas mágoas e encontrar encorajamento... eles sabem que mesmo quando parece que ninguém mais se importa ... seus verdadeiros amigos estarão sempre lá. Que bela imagem de nosso relacionamento com Deus!

Pr. Aldenir Araújo

Gostou desse esboço? Olha a novidade que tenho para você!

Eu preparei um e-book com 365 sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá à disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! Clique Aqui para adquirir seu livro.

A fé de Abraão - Parte 8 Reviewed by Aldenir Araujo on terça-feira, julho 15, 2014 Rating: 5

Nenhum comentário:

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:
1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!

All Rights Reserved by O Pregador © 2014 - 2015
Designed by Blogger

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.