Essa é a minha mãe

Essa é a minha mãe
Tema: Dia das mães
Texto: 2 Timóteo 1:1-5
Introdução: Hoje comemoramos o Dia das Mães. É sancionado na Bíblia, porque a Bíblia diz em Êxodo 20:12: "Honra teu pai e tua mãe para que teus dias se prolonguem na terra que o Senhor teu Deus te dá"
As mães cristãs são o maior atrativo do mundo. A grande influência humana em nossa sociedade vem de nossas mães.

A primeira mãe na Bíblia trouxe assolação e grande dificuldade para a raça humana, mas na graça do Senhor veio a ajuda de uma maternidade condenada. No Calvário, o Filho de Deus e filho de uma mãe, tomou sobre si a maldição pronunciada sobre uma mulher e tornou possível ter uma maternidade santa.
[post_ad]As mães cristãs devem ser altamente honradas porque elas são construtoras do reino, construtoras de caráter, e agentes de recrutamento para os reinos eternos que estão além da vida presente.

Como o Dia das Mães está chegando é um momento especial em que podemos expressar nossa gratidão àquela que nos deu à luz e que cuidou de nós quando não podíamos cuidar de nós mesmos. Ela se alegra conosco quando conseguimos e consolação e conforto quando nós falhamos.

Em nosso texto, a mãe de Timóteo é mencionada - Eunice. Não muito é dito sobre ela na Bíblia, mas sabemos algumas coisas sobre ela. Seu nome significa "boa vitória".
1 - Seu marido era um gentio. (Atos 16:1)
2 - Ela era judia.
3 - Ela passou um tempo ensinando Timóteo as Sagradas Escrituras. Sua casa era como um seminário em miniatura para Timóteo.
4 - Provavelmente, se converteu ao cristianismo durante a primeira viagem missionária de Paulo em Listra, onde Paulo foi apedrejado e deixado para morrer.
5 - Quando Timóteo falou de Eunice em público, eu acredito que ele manteve a cabeça erguida e com muito orgulho e satisfação disse: "Essa é a minha mãe”.

Mãe deve ser seu desejo que seus filhos façam a mesma coisa e quando apresentá-la aos outros, eles devem ser capazes de fazê-lo com um grande senso de orgulho e admiração no que diz respeito ao tipo de pessoa que você é.

O que faz um filho ou filha estufar seu peito, a cabeça erguida e dizer: "Essa é a minha mãe?”.

I. Seu Senhor

É uma bênção ter uma mãe salva. Nem todos tem esse privilégio, mas a maioria de vocês tem. Significa muito ter uma mãe que se encontrou com o Senhor Jesus e alcançou o perdão dos pecados.
Nota: Mesmo Maria, a mãe de Jesus, teve que ser salva. Você pode perguntar: "Pastor, como você sabe disso?" Maria disse: "Meu espírito se alegra em Deus, meu Salvador" (Lucas 1:47). Maria percebeu a necessidade de ter um Salvador e que tinha sido salva pela maravilhosa graça de Deus.

Eunice era uma mãe salva, pois a Bíblia falou da fé "não fingida" que estava nela. A palavra "não fingida" tem a ideia de autenticidade ou sinceridade. Tem a ideia de ser sem hipocrisia ou fingimento. Isso significa estar livre de insinceridade. Eunice não era uma crente "artificial", ela era verdadeira, "real". Ela havia aceitado a Cristo, então Ele fez toda a diferença em sua vida.

Mãe, seus filhos precisam saber que você tem um Deus nesta vida e, especialmente, quando chega a hora de você morrer, eles precisam saber que você tem Cristo como seu Senhor e Salvador.

II. Seu amor

É o amor dentro da mãe que faz com que ela espere muito de seus filhos.
Quão abençoado é ter uma mãe em que você pode ver o amor de Deus em sua vida. Se a sua mãe ainda não é salva ou uma mãe ímpia, ore por sua mãe e tente trazê-la para Cristo.
A. O amor corrige. Provérbios 13:24 "Aquele que poupa a vara aborrece a seu filho, mas o que o ama, desde cedo o castiga"
Os filhos, muitas vezes não entendem porque uma mãe os corrige quando eles estão errados, é porque ela se preocupa com o filho. Não é porque não ama, mas é para o próprio bem-estar da criança.
B. O amor consola. Quantas vezes, quando você falhou em alguma tarefa que você procurou realizar, e sua mãe lhe deu um abraço, e tentou levantar o seu espírito, dizendo algo como: "Vai ficar tudo bem. Deus vai resolver tudo" Ela pode ter dito a você: "Você pode ter falhado, mas não desista, continue tentando”.
Às vezes, talvez tudo que você precisava era de um abraço de confiança de sua mãe.
C. O amor cuida. Uma boa mãe está sempre disposta a ouvir os problemas dos seus filhos, porque ela se preocupa.

Nota: Você pode pagar um psicólogo ou psiquiatra 200 Reais por hora para ouvir os seus problemas e fazer alguns comentários, mas você pode obter da experiência e da sabedoria da sua mãe de forma gratuita e que ela realmente se importa com você.

A Bíblia diz que podemos lançar todas as nossas ansiedades sobre o Senhor, porque Ele tem cuidado de nós (1 Pedro 5:7). É da mesma maneira com a nossa mãe. Uma boa mãe não está ocupada para ouvir seus filhos. Quando seu filho está mal, ela sente. Quando seu filho está feliz, isso a faz feliz.

III. Seus anseios

O que a mãe piedosa espera de seus filhos? Será que ela necessariamente espera que os seus filhos se tornem ricos ou famosos ou ela tem outras coisas em mente para seus filhos?
A. Ela quer que seus filhos sejam salvos. Nenhuma mãe em sua sã consciência iria querer seus filhos fossem para o inferno. Não, nem um deles! Ela aproveita todas as oportunidades para influenciá-los com o Evangelho e apontar seus filhos a Cristo!
B. Ela quer que seus filhos sejam santificados. A mãe espiritual não quer que seus filhos andem nos caminhos do mundo, mas ela quer o seu filho "separado" para o serviço do Senhor.
C. Ela quer que seus filhos sejam cheios do Espírito Santo. Se eles andarem no Espírito, eles não vão cumprir os desejos da carne. Gálatas 5:16 diz, "Digo, porém: Andai no Espírito e jamais satisfareis às concupiscências da carne".

IV. Sua vida

Observe mais uma vez que a vida de Eunice, mãe de Timóteo, era uma vida de fé. Sua fé - "não fingida." Em Tiago 3:17 é traduzido - "sem hipocrisia". Seu dia-a-dia não era mais que a expressão constante de uma fé verdadeira e permanente.
Ela não vivia a vida de uma pessoa hipócrita. A palavra "hipócrita" no Novo Testamento é usada para um ator. O ator finge ser outra pessoa e que muitas vezes se torna tão real; a verdadeira pessoa está oculta. Aquele que é um "hipócrita" finge ser alguém que realmente não é. É o oposto de "autenticidade e sinceridade"
Sua mãe vivia o que ele lhe ensinou. Essa é uma razão pela qual a Palavra de Deus teve um impacto tão profundo na sua vida, ele tinha visto a Palavra de Deus vivida na vida de sua mãe. Ele sabia que a Palavra de Deus era verdadeira, por causa da verdadeira vida espiritual que tinha produzido em Eunice.

Não basta ler a Palavra, é preciso que ela trabalhe em seu coração e afete o seu comportamento e atitudes.

Conclusão: Seja uma mãe piedosa e tenha o Senhor, o seu amor, seus desejos e sua vida.

Pr. Aldenir Araújo

Gostou desse esboço? Olha a novidade que tenho para você!

Eu preparei um e-book com 365 sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá à disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! Clique Aqui para adquirir seu livro.

Essa é a minha mãe Reviewed by Aldenir Araujo on terça-feira, maio 07, 2013 Rating: 5

Nenhum comentário:

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:
1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!

All Rights Reserved by O Pregador © 2014 - 2015
Designed by Blogger

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.