Trazendo De Volta A Glória De Deus

Trazendo De Volta A Glória De Deus
Texto: 1 Samuel 4:1-11; 2 Samuel 6
Tópico: Trazer de volta a glória de Deus
Tema: Como revelar a glória de Deus para as pessoas hoje.
Introdução: Quando foi o dia mais emocionante de sua vida? Quando você reflete sobre sua vida, qual dia se destaca de todos os outros dias?
 
Que dia foi o dia mais emocionante na vida de Davi? Você acredita que o maior dia para Davi foi quando ele derrotou o leão ou o urso? Essas foram grandes dias, mas não o maior dia. Você acha que o dia mais emocionante para Davi foi quando ele derrotou Golias? Essa foi uma marca importante na vida de Davi, mas não foi o maior dia da vida de Davi. Você acha que o dia mais feliz para Davi foi quando ele foi ungido rei de Israel? Este foi sem dúvida um dia significativo para Davi, mas novamente não foi o maior dia na vida de Davi. Eu acredito que o maior dia para Davi foi quando a glória de Deus voltou para Israel.
 
Não há dúvida de que o maior e mais emocionante dia na vida de Davi foi quando a santa presença de Deus, voltou para Jerusalém. O dia mais marcante foi quando o avivamento chegou a Jerusalém em particular, e Israel em geral.
 
Você deseja realmente experimentar a presença vivificante de Deus? Você deseja que Deus revele a Sua glória na Igreja e em nossas cidades e em nosso país? Você vai praticar os princípios para a presença poderosa de Deus se revelar no seu ministério e em sua vida? Você vai perder este próximo reavivamento e despertamento espiritual ou você irá escolher desempenhar um papel vital no mesmo?
 
Existem cinco princípios distintos em relação a este avivamento que devemos apreender e aplicar à nossa vida, a fim de trazer de volta a glória de Deus à Igreja e a nação. Primeiro,

I. Não Devemos Manipular Esse Poder Vivificante (I Samuel 4:1-5, 10-11)

É nosso privilégio e responsabilidade trazer este mundo envolto em correntes douradas do evangelho e colocá-lo nos pés do nosso rei. Qualquer coisa menos do que isso é alta traição na corte do céu diante do rei do céu. Nós temos uma oportunidade incrível no Brasil.
A arca da aliança era um tesouro de bênção. As dimensões da Arca eram de cerca de 1,23 metro de comprimento por 74 cm de altura por 74 cm de largura. A Arca era feita de madeira e revestida com ouro puro. No topo da Arca estava uma laje sólida de ouro chamada de propiciatório. Fora do propiciatório estavam dois querubins com suas asas esticadas. Entre as asas dos querubins habitava a glória de Deus. No Santo dos Santos, Deus se revelaria entre os Querubins enquanto o propiciatório era aspergido com o sangue do cordeiro pascal. Esta era uma visão sagrada.
 
A Arca da Aliança os tirou da esterilidade, levou-os a bênção, e conduzia-os na batalha. A Arca tinha o poder divino e a energia. Ela nivelava montanhas, assolava cidades e feria de morte o inimigo. A Arca conduzia os israelitas de vitória em vitória.
 
Nossa passagem retrata os israelitas na batalha contra os filisteus. Os israelitas estavam perdendo a batalha. Eles já haviam perdido 4.000 homens. Os israelitas tornaram-se autossuficientes. Alguém teve uma ideia; buscar a Arca de Deus e traze-la para o campo de batalha. Depois de pensar eles decidiram trazer Deus para seus planos de batalha. Eles só queriam Deus quando seus planos tinham falhado.
 
A Arca foi conduzida por dois homens imorais que se diziam homens de Deus. Seus nomes eram Hofni e Finéias. Estes dois homens estavam vivendo em adultério. Estes dois homens tiveram a ousadia absoluta para trazer esse objeto sagrado para a batalha, que pode salvá-los.
Estamos em uma batalha hoje. Precisamos nos desiludir da ideia de que Deus nos abençoará apesar de nossa desobediência. Se nós trazermos Deus para o cenário enquanto estamos desobedecendo a Ele, Ele vai projetar o nosso fracasso. Deus é mais glorificado na derrota de seu povo carnal, do que em suas vitórias. Deus está interessado em não cobrir o pecado, mas expor o pecado.
 
A partir de então, a batalha seguiu o caminho dos filisteus. Os israelitas perderam 30.000 soldados de infantaria. Icabode foi o resultado final da desobediência. A esposa de Finéias, antes de morrer, disse: "Deus nos abandonou!" A glória se foi.
 
Estamos colocando Deus em primeiro lugar em nossas vidas ou "buscamos" Deus, quando tudo o mais falhou em nossas vidas? Será que vamos colocar em nossa mente que Deus será o primeiro em nossas vidas, independentemente do que acontecer? O que tem que acontecer, para colocarmos Deus em primeiro lugar em nossas vidas?
 
Neste avivamento devemos nos certificar de que nós não podemos manipular o poder de Deus. Deus nos usará; não vamos usar Ele. Ele deve estar primeiro lugar em todos os nossos planos de batalha. Não devemos abusar do poder de Deus. Em segundo lugar,

II. Não Devemos Tentar Dominar Esse Poder Vivificante (I Samuel 4:11; 5:1-4)

Na Palavra de Deus, depois de os filisteus conseguirem o que queriam, eles não quiseram o que conseguiram. Quando levaram a arca de Deus ao seu lado, eles foram atormentados com ratos, doenças e outras coisas. Então, alguém olhou para dentro da Arca e 50.000 foram mortos. Quando eles tentaram capturar Deus de outra pessoa, todos os tipos de problemas vieram em seus caminhos.
 
Deus não pode ser capturado. Nós não podemos usar Deus de outra pessoa ou a espiritualidade de outra pessoa. Nós não podemos usar a vida de oração de outra pessoa para obter a vitória. Nós não podemos usar o conhecimento bíblico sobre Deus de outra pessoa. Nós não podemos usar a unção do Espírito Santo de outra pessoa. Não podemos capturar o poder de outra pessoa. Nós não podemos ter o avivamento de outra pessoa. Temos de fazer a nossa mente para o nosso próprio avivamento pessoal e corporativo.
 
Nos Brasil, temos a religião de segunda mão. Nós assistimos outras pessoas adorando na televisão e outros pregando. No entanto, a mensagem entra nos nossos ouvidos e sai sem alcançar nossos corações. Tentamos fabricar o avivamento de outra pessoa em nossa própria vida ou na igreja. Isto é experiências de segunda mão. Neste avivamento, devemos pedir a Deus para cada um de nossas igrejas um avivamento divinamente projetado para caber em cada congregação. Sim, haverá princípios em operação semelhante dados por Deus. No entanto, os aspectos práticos serão adaptados individualmente para atender a personalidade de cada igreja local. Se você tentar capturar Deus de outra pessoa, você está pedindo para ter problemas. Em terceiro lugar,

III. Não Devemos Tentar Manipular Esse Poder Vivificante (2 Samuel 6:1-5)

A Arca acabou chegando na casa de Abinadabe. Ficou lá por 20 anos. Em seguida, Davi queria levar a Arca para Jerusalém. Davi queria a presença de Deus em sua vida e sua nação. Uma geração inteira foi criada em Israel sem um vislumbre da glória de Deus. Eles viram fotos da Arca da Aliança em livros de texto, mas não era a coisa real. Eles ouviram falar sobre os avivamentos do passado, mas não o experimentaram em suas vidas. Esta é a mesma condição na cultura Brasileira.
 
O seguinte episódio se transformou em um fracasso vergonhoso. A história terminou tragicamente. Davi tentou transportar a Arca de uma maneira, que era contrária às Escrituras (Êxodo 25:13-15). Os coatitas, um grupo da tribo de Levi eram os sacerdotes que deviam transportar a Arca, utilizando as varas que foram projetadas para percorrer os anéis. A Arca deveria ser carregada nos ombros dos sacerdotes.
 
No entanto, Davi colocou a arca em um carro novo. Onde é que Davi aprendeu isso? Ele aprendeu com os filisteus (1 Samuel 6:7). Os filisteus tinham devolvido a arca para os israelitas em um carro novo. No entanto, os filisteus não sabiam fazer melhor. Davi deveria ter obedecido à Palavra de Deus. Davi tinha homens maravilhosos (30.000), bom método (carro novo), boa música, grande motivação, mas era a maneira errada de fazê-lo.
 
Há grande perigo em trazer a filosofia dos filisteus para nossas igrejas e nossos ministérios. É perigoso tentar manipular o poder de Deus.
 
Oramos para que a glória de Deus seja revelada, mas vamos tentar administrar da maneira que Deus faz e quando Deus o faz. Você sabia que Deus tem métodos sagrados? A seguir estão alguns exemplos de métodos que são sagrados que não podem ser alterados na Igreja: Dízimo; a igreja local; oração; evangelismo pessoal; Estudo da Bíblia; adoração coletiva; pregação; o Batismo no Espírito Santo; e muito mais.
 
Neste avivamento, devemos estar dispostos a permitir que Deus nos dê os métodos para a edificação da igreja local. A maioria destes métodos estão na Bíblia. Eles são imutáveis. Deus não pede a nossa opinião. Existem métodos sagrados para experimentar o avivamento na Igreja e um despertar em nossa nação. Em quarto lugar,

IV. Não Devemos Minimizar Esse Poder Vivificante (2 Samuel 6:6-7)

A medida que a história continua, o carro está percorrendo o seu caminho para Jerusalém. Tudo está bem até que o carro chegou em um lugar difícil na estrada. Como você responde a Deus quando você encontra um ponto difícil na estrada? Você ainda honra a Deus?
 
Uzá pôs as mãos profanas em uma coisa sagrada. Ele banalizou Deus. Em Números 4:15, Deus tinha dado uma advertência solene. Ele disse: "Se tocar em qualquer coisa sagrada, morrerás"
Você é um camicase espiritual? Você está banalizando a santidade de Deus? Se nós colocarmos as mãos profanas em coisas santas, iremos ministrar morte ao invés de vida.
 
A Escritura indica que Davi ficou chateado com Deus pela morte de Uzá. No entanto, Davi sabia como a Arca deveria ser transportada. Davi se recusa a continuar levando a Arca. Ele vê a casa de Obede-Edom. A arca é levada para a casa de Obede-Edom.
 
Obede-Edom tem de decidir o que vai fazer com a Arca. Ele tem permissão para abrigar a Arca, porque ele é um levita. Ele tem que decidir onde vai colocar a Arca. Eles carregam a Arca para a casa de Obede-Edom.
 
A Bíblia diz que Deus abençoou Obede-Edom e tudo que diz respeito à sua casa, porque Deus estava em sua casa. A mãe e o pai estavam se entendendo melhor. A família estava feliz. O dinheiro estava rendendo mais. As crianças estavam se entendendo bem uma com a outro e com seus pais. O avivamento chegou a casa de Obede Edom. O avivamento chegou em sua casa? Você deseja para que possa ser conhecido no seu bairro que Deus está visitando e abençoando a sua casa? Neste avivamento Deus quer trazer milagres para casamentos e mudar a própria natureza de nossas vidas. Quinto,

V. Não Devemos Usar Indevidamente Este Poder Vivificante (2 Samuel 6:14-22)

O dia em que Davi ouve sobre o avivamento na casa de Obede-Edom. Então, Davi sabe que é hora de Jerusalém e Israel experimentar a glória de Deus. Davi leva o seu povo ao reavivamento. Imagine a cena. A Arca é levada da casa de Obede-Edom para Jerusalém. Esta é a frente da procissão de 30.000 homens. Ele não está vestindo sua roupa real ou coroa, mas só uma estola sacerdotal de linho. Davi estava ilustrando para seu povo que na presença do Rei dos reis, somos todos servos. Não há grandes ou pequenos no verdadeiro avivamento.
 
Todo mundo disfrutou deste novo reavivamento em Jerusalém, exceto uma pessoa. Essa pessoa era a esposa de Davi, Mical. Mical estava tentando sistematizar e formalizar Deus. A raiz do problema era que ela estava cheia de orgulho espiritual. Mical estava chateada porque Davi estava feliz com a adoração a Deus.
 
Enquanto Mical estava em cima em sua torre de marfim, as pessoas simples estavam em abaixo. Mical desprezou Davi no seu coração. Sua dignidade não lhe permitiu desfrutar do maior dia de Israel. Mical não sabia a diferença entre dignidade e justiça. E você?
 
Conclusão: Você vai perder este avivamento ou você vai mergulhar fundo na presença vivificante de Deus? Você vai permitir que as coisas que você não entende esteja entre você e a presença vivificante de Deus? Você vai apreender e aplicar os princípios que trazem de volta a glória de Deus para a Igreja e para a nação? Neste avivamento nós queremos ser abençoados ou quebrados pelos princípios de Deus. É tempo de nós nos certificarmos de que nós não podemos manipular, dominar, manipular, minimizar ou usar indevidamente esse poder vivificante de Deus. A escolha é nossa.
 
Pr. Aldenir Araújo

Gostou desse esboço? Olha a novidade que tenho para você!

Eu preparei um e-book com 365 sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá à disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! Clique Aqui para adquirir seu livro.

Trazendo De Volta A Glória De Deus Reviewed by Aldenir Araujo on terça-feira, agosto 25, 2015 Rating: 5

Nenhum comentário:

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:
1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!

All Rights Reserved by O Pregador © 2014 - 2015
Designed by Blogger

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.