A Eterna Família de Deus

A Eterna Família de Deus

Texto: Filipenses 1:1

Introdução: Eu quero te fazer uma pergunta. O que você diria que essas pessoas têm em comum: um filósofo judeu que odeia Cristo; uma Nova Era, que se aprofundou no ocultismo; um guarda de prisão, cujo coração está cheio de malignidade e ódio contra toda a humanidade; uma feminista, que talvez nunca se casou, que tem seu próprio negócio? O que você diria que todas essas pessoas tinham em comum? Todos eles eram membros da igreja em Filipos. O filósofo judeu que foi salvo foi o apóstolo Paulo. A Nova Era, era uma garota possuída por um demônio que foi salva pelo Evangelho de Cristo. O carcereiro, o guarda da prisão, era o carcereiro que foi salvo em um avivamento em Filipos. A empresária era uma mulher chamada Lídia, de Tiatira, que tinha um negócio de venda de púrpura.

O incrível é que a graça de Deus tirou as pessoas dessa formação divergente e as tornou uma só, no Senhor Jesus Cristo. Isso é o que uma igreja é hoje. Uma igreja é uma família de pessoas que vieram de todos os tipos de origens, todos os tipos de crenças, todos os tipos de ideias e ideais, e encontraram unidade na família de Deus. O denominador comum em nossa igreja é Jesus. Porque temos um Senhor, temos uma vida. E, porque temos um Senhor e uma vida, temos um amor: o Senhor Jesus Cristo. Nós somos a família de Deus.

Tem muita gente que não tem família. O apóstolo Paulo realmente não tinha uma família. Ele teve uma esposa uma vez. No entanto, não sabemos o que aconteceu com ela. Ela morreu? Nós não sabemos. Não sabemos sobre Lídia, a vendedora de purpura, se ela era divorciada, viúva ou nunca se casou. Mas, acho que a garota possuída pelo demônio sobre a qual vamos ler, que foi libertada pelo poder de Deus, precisava de uma família. O velho carcereiro brutal, ele precisava de uma família. Há muitas pessoas que precisam de uma família. Você sabe o que é uma igreja? É uma família extensa e eterna.

I. A Formação Sobrenatural da Família de Deus

- Eu quero que você veja como esta igreja começou. Quero que você veja o que vou chamar de formação da família eterna de Deus. Veja, se você quiser, no capítulo 1, versículo 1: “Paulo e Timóteo, servos de Cristo Jesus, a todos os santos em Cristo Jesus que estão em Filipos” (Filipenses 1:1) – todos os santos em Cristo em Filipos.

- Agora, como esses santos chegaram a ser santos? Existem apenas duas categorias de pessoas no mundo: os santos e os não santos. Os santos são aqueles que são salvos. Como eles se tornaram santos? Em Atos 16, Lucas registra a fundação desta igreja. Estamos falando da formação sobrenatural da igreja.

1. A Restrição do Espírito Santo

- As pessoas do mundo podem construir edifícios. As pessoas do mundo podem ter organizações. Precisa haver uma dimensão sobre esta igreja que não pode ser explicada por programa, personalidade, propaganda ou planejamento. Certo? Diga: “Amém”. Se não for sobrenatural, será superficial.

- Em Atos 16:6-7, lemos sobre Paulo e Silas. A Bíblia diz: “Atravessaram a região frígio-gálata, tendo sido impedidos pelo Espírito Santo de anunciar a palavra na Ásia; e tendo chegado diante da Mísia, tentavam ir para Bitínia, mas o Espírito de Jesus não lho permitiu”

- Paulo e Silas desejam servir ao Senhor. O motivo deles era certo: pregar o evangelho de Jesus. Eles estavam indo para a Ásia com o plano de ir para Bitínia. O Espírito Santo diz: “Não, eu não quero que você vá por esse caminho”.

- Você já ensinou um adolescente a dirigir? Qual é a primeira coisa que você mostra a ele – o acelerador ou o freio? Você mostra a ele o freio. Se ele ou ela dissesse: “Não estou interessado no freio”, você provavelmente diria “Apenas me devolva as chaves”. Não é certo? Claro.

- Antes que Deus lhe mostre o acelerador, Ele deve sempre lhe mostrar o freio. Se você não estiver interessado na restrição do Espírito, você nunca conhecerá a liberação do Espírito. O caminho da vida está repleto de destroços de pessoas que têm motores de alta potência e freios defeituosos. Eles não sabem ouvir o não de Deus. O não de Deus é tão importante quanto o ir de Deus. Alguém disse: “Um fanático é alguém que, tendo perdido de vista seu objetivo, aumenta sua velocidade”.

2. A Liberação do Espírito

- Em primeiro lugar, houve a restrição do Espírito. Em segundo lugar, houve a liberação do Espírito. Em Atos 16:9-10, lemos:

- “De noite apareceu a Paulo esta visão: estava ali em pé um homem da Macedônia, que lhe rogava: Passa à Macedônia e ajuda-nos. E quando ele teve esta visão, procurávamos logo partir para a Macedônia, concluindo que Deus nos havia chamado para lhes anunciarmos o evangelho”. Observe que, primeiro Deus disse: “Não”; e então, Deus disse: “Vá”.

- Deus nem sempre nos dá o que queremos. Deus nos deu algo melhor do que queríamos. Paulo tentou ir na Bitínia e na Ásia, mas o Espírito Santo disse: “Quero que você vá para a Grécia. Quero que você vá para a Macedônia” (Atos 16:7-10). Deus abriu toda a Europa para a pregação do evangelho, porque Deus estava edificando sobrenaturalmente Sua Igreja.

3. Os Resultados do Espírito

- Quando chegaram a Filipos, encontraram Lídia de Tiatira. Ela foi a uma reunião de oração. Deus tocou seu coração. Ela disse: “Paulo vamos até minha casa. Teremos uma reunião de oração lá. Você pode começar seus estudos bíblicos lá”. Esse foi o início da igreja. Deus abriu seu coração. Ganhar almas assume uma nova dimensão, quando conhecemos a contenção e a liberação do Espírito.

- Além disso, há uma garota possuída por um demônio. Ela está seguindo Paulo por lá na cidade de Filipos e diz: “Estes homens são servos do Deus Altíssimo” (Atos 16:17). Paulo tentou evitá-la. Você sabe, devemos resistir ao diabo, não persegui-lo. No entanto, Paulo tinha o suficiente. Ele se virou e a repreendeu em nome de Jesus. O diabo saiu dela e ela foi salva. Depois, Paulo acabou na cadeia, porque ela estava ganhando muito dinheiro para aqueles homens que estavam lucrando com ela. A garota foi salva. Paulo e Silas estão na cadeia à meia-noite. Eles estão na prisão mais interna. Dentro, Paulo e Silas estão louvando a Deus e dando glória a Deus.

- Os prisioneiros ouviram muitos gemidos, mas nunca ouviram louvores. Eles ouviram muitos xingamentos; mas provavelmente não tinha ouvido orações. Deus está tão satisfeito. Ele olha para baixo e começa a sacudir toda aquela cadeia, então há um terremoto.

- A prisão começou a tremer e as amarras caíram. O carcereiro, sem dúvida um guarda prisional endurecido, está pronto para cometer suicídio. No entanto, Paulo e Silas dizem: “Não se machuque. Estamos todos aqui. Não cometa suicídio. Queremos falar sobre Jesus”. O carcereiro foi salvo. Quando uma igreja se acerta com Deus, não importa quanta perseguição venha, o diabo não pode parar o avivamento; tudo o que ele faz é apenas mover o local. Houve um avivamento naquela prisão.

- Paulo era um filósofo. Qual é a resposta para a sofisticação intelectual de nossa época? Jesus. Lídia era uma empresária. Qual é a resposta para as necessidades mais profundas do coração de uma mulher? Jesus. Aquela garota possuída pelo demônio estava nas garras do ocultismo. Qual é a resposta para o ocultismo? Jesus. Aquele carcereiro que estava cercado por todos aqueles prisioneiros e criminosos. Qual é a resposta para o problema do crime? Jesus.

- Foi assim que Deus uniu as pessoas, no que chamo de família para sempre.

II. A Sagrada Comunhão na Família de Deus

- Em Filipenses 1:1-2. “Paulo e Timóteo, servos de Cristo Jesus, a todos os santos em Cristo Jesus que estão em Filipos, com os bispos e diáconos: Graça a vós, e paz da parte de Deus nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo”. Agora, observe como Paulo tem essas pessoas em seu coração. Ele disse: “Dou graças ao meu Deus todas as vezes que me lembro de vós, fazendo sempre, em todas as minhas orações, súplicas por todos vós com alegria pela vossa cooperação a favor do evangelho desde o primeiro dia até agora” (Filipenses 1:3-5).

- Você vê isso? — “Sua comunhão no evangelho”. Uma formação sobrenatural sempre leva a um doce companheirismo. Qual é a nossa comunhão? Nossa comunhão não está em suco e biscoitos. Nossa comunhão está no evangelho de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo. Qual é o laço que nos mantém juntos? É a palavra comunhão. E, essa palavra comunhão é a palavra grega, koinonia. A palavra koinonia significa “ter algo em comum”. Temos um Senhor comum, uma vida comum e um amor comum.

- Há três vezes que koinonia é usado em Filipenses.

1. A Comunhão de Ganhar Almas

- No versículo 5, ele fala da koinonia do evangelho, a comunhão do evangelho. O que é o evangelho? O evangelho é as boas novas de Jesus Cristo. Você quer alguma comunhão? Você quer estar perto de alguém? Você olha em volta e encontra um irmão ou uma irmã que está interessado em divulgar o evangelho de Jesus Cristo. Encontre alguém que queira ganhar alguém para Jesus. Duas pessoas que ganham uma terceira pessoa para Jesus Cristo nunca mais são as mesmas.

2. A Comunhão da Súplica

- Em Filipenses 2:1 lemos: “Portanto, se há alguma exortação em Cristo, se alguma consolação de amor, se alguma comunhão do Espírito...” (Filipenses 2:1). Você quer comunhão? Consiga um parceiro de oração. Estude a Palavra de Deus com essa pessoa. Deixe o Espírito de Deus simplesmente fundir vocês. Tantas igrejas estão conectadas, ou enferrujadas juntas, ou congeladas juntas. Elas precisam ser fundidas pelo Espírito Santo. Duas pessoas que oram juntas nunca são as mesmas. Quando unimos nossos corações em oração, descobriremos que existe algo chamado koinonia do Espírito.

3. A Comunhão do Sofrimento

- Em Filipenses 3:10, lemos: “para conhecê-lo, e o poder da sua ressurreição e a e a participação dos seus sofrimentos”. Se você disser: “Eu não tenho amigos. Não faço parte da igreja”. Deixe-me dizer o que fazer: encontre alguém que esteja sofrendo e sofra com ele.

- Paulo disse: “Quero conhecer a comunhão dos sofrimentos de Cristo”. Bem, como você pode conhecer isso? Jesus está no Céu, mas Ele disse: “Quando o fizestes a um destes meus pequeninos irmãos, a mim o fizestes” (Mateus 25:40). Duas pessoas que ganham uma alma juntas nunca mais são as mesmas. Duas pessoas que oram juntas nunca mais são as mesmas. E duas pessoas que choram juntas nunca mais são as mesmas.

III. O Futuro Seguro Para a Família de Deus

- Em Filipenses 1:6, lemos: “tendo por certo isto mesmo, que aquele que em vós começou a boa obra a aperfeiçoará até o dia de Cristo Jesus”.

- Pois bem, quem começou a boa obra? Jesus. Como ele fez isso? Através do Espírito Santo. Falamos sobre a construção de igrejas. Você não constrói igrejas. Jesus disse: “Eu edificarei a minha igreja” (Mateus 16:18). Ele não disse: “Você vai construir minha igreja”. Ele não disse: “Eu construirei sua igreja”. Ele disse: “Eu construirei minha igreja”. E então, Paulo diz: “Já que Ele é Aquele que começou, eu sei que Ele é Aquele que vai terminar”

- Como você foi salvo? Você acha que foi sua ideia ser salvo? “Não há quem busque a Deus” (Romanos 3:11). Não. “Nós o amamos, porque ele nos amou primeiro” (1 João 4:19). Ele nos escolheu. Você foi escolhido pelo Espírito, e então você foi convencido pelo Espírito, e então você foi convertido pelo Espírito. Então, você será terminado pelo Espírito.

- Tudo o que começamos não será terminado. Tudo está indo para o túmulo. No entanto, qualquer coisa que Cristo faça é para sempre. O apóstolo Paulo diz: “tendo por certo isto mesmo, que aquele que em vós começou a boa obra a aperfeiçoará até o dia de Cristo Jesus” (Filipenses 1:6). Eu não sei em que empreendimento você está, mas não há empreendimento como o empreendimento do evangelho. O que Deus faz é para sempre.

Conclusão: Seja o que for que planejamos terminar, precisamos começar hoje. Seja quem for que planejamos ganhar para o Senhor, precisamos nos motivar hoje. Em breve e muito em breve, Cristo está voltando para Sua Igreja. Um dia a família de Deus se reunirá ao redor da mesa do Senhor e o tempo deixará de existir, enquanto a eternidade continua. A família de Deus foi formada sobrenaturalmente; tem uma comunhão sagrada e um futuro seguro!

Postar um comentário

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:

1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!

Postagem Anterior Próxima Postagem
Gostou Desse Esboço? Olha a Novidade Que Tenho Para Você!

Eu preparei um E-book Com 365 Esboços de Sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá à disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! CLIQUE AQUI para adquirir seu livro.