Natal: Porque Jesus Nasceu?

Porque Jesus Nasceu?

Texto: João 17:1-10; Filipenses 2:5-11

Introdução:

A. Pessoas em todo o mundo que creem em Jesus estão celebrando Seu nascimento esta semana.

1. Ele não nasceu em 25 de dezembro, mas é um dia tão bom quanto qualquer outro para celebrá-lo.

a. A data de Seu nascimento não foi registrada, então ninguém sabe quando foi.

b. A data de 25 de dezembro foi selecionada para “sincronizá-la” com um feriado pagão.

c. Comemorar Seu nascimento não é ordenado, MAS os cristãos têm o direito de reservar e celebrar feriados. Romanos 14:5-6 “Um faz diferença entre dia e dia, mas outro julga iguais todos os dias. Cada um esteja inteiramente convicto em sua própria mente. Aquele que faz caso do dia, para o Senhor o faz. E quem come, para o Senhor come, porque dá graças a Deus; e quem não come, para o Senhor não come, e dá graças a Deus”

2. Embora a celebração do nascimento de Jesus não seja uma ordem, é uma coisa boa.

a. É um momento de alegria em que os valores cristãos são defendidos.

b. É um momento em que a realidade de Jesus e Seu ministério são reconhecidos.

3. Muitos ouvem sobre Jesus SOMENTE nesta época do ano.

a. As histórias sobre ele estão no rádio e na TV.

b. A frequência à igreja aumenta durante a época de Natal.

B. Resumindo a história do Natal.

1. A história do Natal começa antes de Deus criar o mundo. I Pedro 1:20-21 “O qual, na verdade, foi conhecido ainda antes da fundação do mundo, mas manifesto no fim dos tempos por amor de vós, que por ele credes em Deus, que o ressuscitou dentre os mortos e lhe deu glória, de modo que a vossa fé e esperança estivessem em Deus”

2. É o tema de todas as escrituras.

3. Todos os profetas falaram sobre isso. Lucas 24:27 “E, começando por Moisés, e por todos os profetas, explicou-lhes o que dele se achava em todas as Escrituras”

4. Alcançou seu apogeu na cruz. Marcos 10:45 “Pois também o Filho do homem não veio para ser servido, mas para servir, e para dar a sua vida em resgate de muitos”

5. MAS ... logo volta ao céu, onde Jesus está advogando por nós. I João 2:1-2 “Meus filhinhos, estas coisas vos escrevo, para que não pequeis; mas, se alguém pecar, temos um Advogado para com o Pai, Jesus Cristo, o justo. E ele é a propiciação pelos nossos pecados, e não somente pelos nossos, mas também pelos de todo o mundo”

6. E finalmente consumada quando Jesus voltar para arrebatar Seus fiéis e levá-los para o lar. I Tessalonicenses 4:16-17 “Porque o Senhor mesmo descerá do céu com grande brado, à voz do arcanjo, ao som da trombeta de Deus, e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro. Depois nós, os que ficarmos vivos seremos arrebatados juntamente com eles, nas nuvens, ao encontro do Senhor nos ares, e assim estaremos para sempre com o Senhor”

C. A história do Natal é uma incrível história de amor que veremos quando fizermos a pergunta: “Porque Jesus Nasceu?”

I. Jesus Não Veio à Existência Quando Foi Concebido no Ventre.

A. Jesus é Deus e era Deus no Céu antes que os mundos fossem criados.

1. João 1:1 “No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus”

2. Este Deus que é chamado de “Verbo” se fez carne e habitou entre nós.  João 1:14 “E o Verbo se fez carne, e habitou entre nós, cheio de graça e de verdade; e vimos a sua glória, como a glória do unigênito do Pai”

B. Quando Jesus deixou o Céu para nascer de uma mulher, Ele deixou a Sua glória.

1. Jesus tinha glória no Céu igual à de Deus Pai. João 17:5 “Agora, pois, glorifica-me tu, ó Pai, junto de ti mesmo, com aquela glória que eu tinha contigo antes que o mundo existisse”

2. Jesus voluntariamente deixou de lado Sua glória eterna para nascer de uma mulher. Filipenses 2:5-8 “Tende em vós aquele sentimento que houve também em Cristo Jesus, o qual, subsistindo em forma de Deus, não considerou o ser igual a Deus coisa a que se devia aferrar, mas esvaziou-se a si mesmo, tomando a forma de servo, tornando-se semelhante aos homens; e, achado na forma de homem, humilhou-se a si mesmo, tornando-se obediente até a morte, e morte de cruz”

3. Seja qual for a glória, prazer ou tesouro que você renuncie agora, Jesus irá multiplicá-lo.

C. Jesus nunca tirou Seus olhos do alvo ... ter você no céu com ele.

II. Jesus Veio Para cumprir as Promessas de Deus.

A. A promessa a Satanás: Gênesis 3:15 “Porei inimizade entre ti e a mulher, e entre a tua descendência e a sua descendência; esta te ferirá a cabeça, e tu lhe ferirás o calcanhar”

B. A promessa a Abraão: Gênesis 12:3 “Abençoarei aos que te abençoarem, e amaldiçoarei àquele que te amaldiçoar; e em ti serão benditas todas as famílias da terra”

C. A promessa a Davi: Atos 13:22-23 “E tendo deposto a este, levantou-lhes como rei a Davi, ao qual também, dando testemunho, disse: Achei a Davi, filho de Jessé, homem segundo o meu coração, que fará toda a minha vontade. Da descendência deste, conforme a promessa, trouxe Deus a Israel um Salvador, Jesus”

D. Jesus cumpriu entre 200 e 400 profecias com a Sua vinda.

III. A Encarnação de Jesus Foi Motivada Por Seu Amor Pelo Homem e Seu Desejo de Salvar.

A. Deus é justo, mas Ele nunca quis que as pessoas se perdessem. II Pedro 3:9 “O Senhor não retarda a sua promessa, ainda que alguns a têm por tardia; porém é longânimo para convosco, não querendo que ninguém se perca, senão que todos venham a arrepender-se”

B. Ele nos amou tanto que estava disposto a fazer o maior sacrifício por nós. João 3:16 “Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna”

C. Jesus veio “PROCURANDO” pessoas para salvar.

1. Lucas 19:10 “Porque o Filho do homem veio buscar e salvar o que se havia perdido”

2. Deus nunca desistiu do homem ... embora sejamos frequentemente infiéis. ( pai )

3. Ele quer de volta o que foi tirado Dele no jardim. (Humanidade)

D. Deus enviou Jesus ao mundo para salvar a humanidade perdida, Jesus, por sua vez, nos enviou.

1. Os cristãos são a família de Deus, Seus filhos ... a salvação é o negócio de nossa família.

2. Devemos seguir o exemplo de nosso irmão mais velho. Jesus:

a. Deixou uma vida confortável

b. Desistiu de riquezas, poder e posição

c. Ele até desistiu de sua vida

IV. Jesus Nasceu Para Morrer.

A. É importante esclarecer que Jesus tinha carne. (antes e depois da ressurreição)

1. I João 4:2 “Nisto conheceis o Espírito de Deus: todo espírito que confessa que Jesus Cristo veio em carne é de Deus”

a. João começou sua epístola discutindo como eles tocaram Jesus fisicamente. I João 1:1 “O que era desde o princípio, o que ouvimos, o que vimos com os nossos olhos, o que contemplamos e as nossas mãos apalparam, a respeito do Verbo da vida”

b. Foi João quem registrou Tomé tocando as feridas de Jesus. João 20:27-28 “Depois disse a Tomé: Chega aqui o teu dedo, e vê as minhas mãos; chega a tua mão, e mete-a no meu lado; e não mais sejas incrédulo, mas crente. Respondeu-lhe Tomé: Senhor meu, e Deus meu!”

c. A escritura registra que Lhe deram um peixe e Ele o comeu. PORQUE? Lucas 24:41-43 “Não acreditando eles ainda por causa da alegria, e estando admirados, perguntou-lhes Jesus: Tendes aqui alguma coisa que comer? Então lhe deram um pedaço de peixe assado, o qual ele tomou e comeu diante deles"

B. Porque é importante estabelecer que o Filho de Deus nasceu e foi criado na carne?

1. A primeira grande heresia entre os convertidos gregos foi o gnosticismo.

a. Eles acreditavam que tinham um conhecimento especial acima dos outros.

b. Eles acreditavam que o reino físico era mau. (incluindo o corpo)

c. A maioria dos gnósticos acreditava que Jesus apenas “parecia” ter um corpo físico.

2. Um espírito não pode morrer. (Alguém pode deixar de existir?)

a. O que é a morte? .… thánatos = “separação”

b. A morte física é quando o espírito sai ou se separa do corpo. (Tiago 2:26)

c. A morte espiritual é quando alguém está separado de Deus. Romanos 6:23 “Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus nosso Senhor”

d. A morte resultante do pecado envolve tanto a morte física quanto a espiritual.

3. Deus é espírito.

a. João 4:24 “Deus é Espírito, e é necessário que os que o adoram o adorem em espírito e em verdade”

b. Visto que um espírito não tem corpo, ele não pode se separar de outro, portanto, não pode morrer.

C. Portanto, era necessário que Deus se tornasse homem para morrer.

1. Cada um de nós recebeu uma sentença de morte, então a morte é necessária para pagar a pena pelo pecado.

a. Romanos 6:23 ... A penalidade para o pecado é a morte.

b. Somos corpo, alma e espírito. I Tessalonicenses 5:23 “E o próprio Deus de paz vos santifique completamente; e o vosso espírito, e alma e corpo sejam plenamente conservados irrepreensíveis para a vinda de nosso Senhor Jesus Cristo”

c. Para que essa sentença de morte seja cumprida, nossa força vital (espírito) deve ser separada. Tiago 2:26 “Porque, assim como o corpo sem o espírito está morto, assim também a fé sem obras é morta”

2. Portanto, Deus, que é Espírito, teve que se tornar carne para pagar a penalidade do pecado do homem.

a. Hebreus 9:22 “E quase todas as coisas, segundo a lei, se purificam com sangue; e sem derramamento de sangue não há remissão”

1) Lembre-se: Jesus nasceu, viveu e morreu sob a antiga aliança da qual Sua morte sacrificial nos libertou.

2) Compare: Hebreus 10:5 em diante

b. Somente uma pessoa sem pecado poderia ter sido sacrificada. (Cordeiros inspecionados quanto a defeitos) I Pedro 1:18-19 “sabendo que não foi com coisas corruptíveis, como prata ou ouro, que fostes resgatados da vossa vã maneira de viver, que por tradição recebestes dos vossos pais, mas com precioso sangue, como de um cordeiro sem defeito e sem mancha, o sangue de Cristo”

c. Somente o sangue de Deus é valioso o suficiente para pagar a pena por toda a humanidade.

D. Jesus voluntariamente derramou Seu sangue e deu Sua vida para nos salvar.

1. Jesus sabia que iria morrer pela humanidade. João 10:17 -

2. Jesus percebeu que tinha vindo à terra e se tornado um homem para que pudesse morrer. João 12:27 “Agora a minha alma está perturbada; e que direi eu? Pai, salva-me desta hora? Mas para isto vim a esta hora”

Conclusão:

A. Por que Jesus nasceu?

1. O nascimento de Jesus não marcou Seu início.

2. Ele veio para cumprir promessas e profecias.

3. Ele nasceu para salvar a humanidade perdida.

4. Ele nasceu para morrer.

B. Qual deve ser nossa resposta?

1. Gálatas 2:20 “Já estou crucificado com Cristo; e vivo, não mais eu, mas Cristo vive em mim; e a vida que agora vivo na carne, vivo-a na fé no filho de Deus, o qual me amou, e se entregou a si mesmo por mim”

2. Romanos 6:1 ... Comece uma nova vida separada do pecado. Mateus 6:33

3. Comece uma jornada que termina no céu.

Postar um comentário

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:

1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!

Postagem Anterior Próxima Postagem
Gostou Desse Esboço? Olha a Novidade Que Tenho Para Você!

Eu preparei um E-book Com 365 Esboços de Sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá à disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! CLIQUE AQUI para adquirir seu livro.