A Glória do Natal

A Glória do Natal

Texto: Lucas 2:1-20

Introdução:

A. É difícil para nós imaginar como deve ter sido naquela noite maravilhosa quando o Filho de Deus, que se tornou o Filho do homem, fez sua primeira aparição em carne humana em uma manjedoura em Belém.

1. Escura era a noite.

a. 400 anos de silêncio sem voz profética. Do último dos Livros do Velho Testamento, Malaquias, ao primeiro dos Livros do Novo Testamento, Mateus, Deus não falou uma palavra.

b. Isaias 9:2 “O povo que andava em trevas viu uma grande luz; e sobre os que habitavam na terra de profunda escuridão resplandeceu a luz”

2. Desesperadora era a necessidade.

a. Israel estava em um estado espiritual triste.

b. A praga do pecado encheu a terra.

c. Reis pagãos governavam.

d. A imoralidade floresceu.

e. A religião estava morta, formalista e impotente para atender às necessidades profundas do coração do homem.

3. Divino era o remédio.

a. O remédio de Deus para a situação de Israel nasceu.

b. O remédio de Deus para o pecado do homem nasceu.

1) Ele era absolutamente Deus - 2 Coríntios 5:19 “pois que Deus estava em Cristo reconciliando consigo o mundo, não imputando aos homens as suas transgressões; e nos encarregou da palavra da reconciliação”

a) Ele era Deus antes de Belém - Miquéias 5:2 “Mas tu, Belém Efrata, posto que pequena para estar entre os milhares de Judá, de ti é que me sairá aquele que há de reinar em Israel, e cujas saídas são desde os tempos antigos, desde os dias da eternidade”

b) Ele era Deus antes do Tempo - João 17:5 “Agora, pois, glorifica-me tu, ó Pai, junto de ti mesmo, com aquela glória que eu tinha contigo antes que o mundo existisse”

2) Ele era absolutamente Homem - João 1:14 “E o Verbo se fez carne, e habitou entre nós, cheio de graça e de verdade; e vimos a sua glória, como a glória do unigênito do Pai”

a) Ele tinha a carne de Adão - Hebreus 10:5 “Pelo que, entrando no mundo, diz: Sacrifício e oferta não quiseste, mas um corpo me preparaste”

b) Ele tinha o sangue de Deus - Atos 20:28 “Cuidai pois de vós mesmos e de todo o rebanho sobre o qual o Espírito Santo vos constituiu bispos, para apascentardes a igreja de Deus, que ele adquiriu com seu próprio sangue”

3) Ele era absolutamente sem pecado - 2 Coríntios 5:21 “Àquele que não conheceu pecado, Deus o fez pecado por nós; para que nele fôssemos feitos justiça de Deus”

B. Em Lucas 2:11, encontramos a identidade tripla do Cristo.

1. Salvador - O Título de Aceitação.

a. A missão desta criança não era salvar os ricos ou os justos. Ele veio para libertar o pecador. Lucas 19:10 “Porque o Filho do homem veio buscar e salvar o que se havia perdido”

b. Ele veio por aqueles que ninguém mais queria. Marcos 2:17 “Jesus, porém, ouvindo isso, disse-lhes: Não necessitam de médico os sãos, mas sim os enfermos; eu não vim chamar justos, mas pecadores”

1) Ele nos amou quando éramos desobedientes - Tito 3:3-6 “Porque também nós éramos outrora insensatos, desobedientes, extraviados, servindo a várias paixões e deleites, vivendo em malícia e inveja odiosos e odiando-nos uns aos outros. Mas quando apareceu a bondade de Deus, nosso Salvador e o seu amor para com os homens, não em virtude de obras de justiça que nós houvéssemos feito, mas segundo a sua misericórdia, nos salvou mediante o lavar da regeneração e renovação pelo Espírito Santo, que ele derramou abundantemente sobre nós por Jesus Cristo, nosso Salvador”

2) Ele nos amou quando estávamos destituídos - Isaías 64:6 “Pois todos nós somos como o imundo, e todas as nossas justiças como trapo da imundícia; e todos nós murchamos como a folha, e as nossas iniquidades, como o vento, nos arrebatam”

3) Ele nos amou quando éramos depravados - 1 Coríntios 6:9-11 “Não sabeis que os injustos não herdarão o reino de Deus? Não vos enganeis: nem os devassos, nem os idólatras, nem os adúlteros, nem os efeminados, nem os sodomitas, nem os ladrões, nem os avarentos, nem os bêbedos, nem os maldizentes, nem os roubadores herdarão o reino de Deus. E tais fostes alguns de vós; mas fostes lavados, mas fostes santificados, mas fostes justificados em nome do Senhor Jesus Cristo e no Espírito do nosso Deus”

c. Como Salvador, Jesus prestou 3 serviços essenciais ao pecador:

1) Nele somos aceitos - Efésios 1:6 “Para o louvor da glória da sua graça, em que nos fez aceitos no amado”

2) Nele somos libertados - Apocalipse 1:5 “e da parte de Jesus Cristo, que é a fiel testemunha, o primogênito dos mortos e o Príncipe dos reis da terra. Àquele que nos ama, e pelo seu sangue nos libertou dos nossos pecados” - Colossenses 1:13 “e que nos tirou do poder das trevas, e nos transportou para o reino do seu Filho amado”

3) Nele somos guardados - 1 Pedro 1:5 “que pelo poder de Deus sois guardados, mediante a fé, para a salvação que está preparada para se revelar no último tempo”

d. Graças a Deus, Ele não veio como Juiz, mas como Salvador - João 3:17 “Porque Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para que julgasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por ele”

2. Cristo - O Título de Acesso.

a. Essa criança veio para fazer mais do que prover simples salvação. Ele veio para nos permitir acesso à presença do Deus Todo-Poderoso.

b. Por meio de Jesus, podemos:

1) Aproximar-se do Pai - Jesus é o único meio de acesso. Hebreus 4:16 “Cheguemo-nos, pois, confiadamente ao trono da graça, para que recebamos misericórdia e achemos graça, a fim de sermos socorridos no momento oportuno” - 1 Timóteo 2:5 “Porque há um só Deus, e um só Mediador entre Deus e os homens, Cristo Jesus, homem”

2) Apelar ao Pai - João 16:23 “Naquele dia nada me perguntareis. Em verdade, em verdade vos digo que tudo quanto pedirdes ao Pai, ele vo-lo concederá em meu nome”

c. O nome "Cristo" refere-se a Jesus como o "Sumo Sacerdote ungido".

1) Ele fala ao Pai em nosso nome - Hebreus 7:25 “Portanto, pode também salvar perfeitamente os que por ele se chegam a Deus, porquanto vive sempre para interceder por eles”

2) Ele pleiteia a nossa causa perante o trono de Deus - 1 João 2:1 “Meus filhinhos, estas coisas vos escrevo, para que não pequeis; mas, se alguém pecar, temos um Advogado para com o Pai, Jesus Cristo, o justo”. (Advogado - aquele que pleiteia a causa de outro em um tribunal de direito civil)

3. SENHOR - O Título de Autoridade.

a. Senhor - Ele estava se referindo a Alguém que deveria estar no controle absoluto. - Atos 10:36 “A palavra que ele enviou aos filhos de Israel, anunciando a paz por Jesus Cristo (este é o Senhor de todos...”

b. Este título de nosso Senhor é um lembrete a todo cristão de que Jesus Cristo deve ser a autoridade absoluta em nossas vidas. - Romanos 12:1-2 “Rogo-vos pois, irmãos, pela compaixão de Deus, que apresenteis os vossos corpos como um sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional. E não vos conformeis a este mundo, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus”

c. A demanda de Deus por obediência total não é pedir muito. Ele sabe que o amor verdadeiro sempre é demonstrado pela obediência a ele.

1) Como Salvador - Ele é digno de nossa adoração.

2) Como Cristo - Ele é digno de nossa dependência.

3) Como Senhor - Ele é digno de nossa obediência.

Conclusão:

1. Jesus - O nome digno de nosso louvor.

2. Jesus - O nome que traz esperança aos perdidos.

3. Jesus - O nome que traz medo ao diabo.

4. Jesus – O Nome que traz conforto aos enlutados.

5. Jesus - O nome que encoraja os desanimados.

6. Jesus – O Nome que dá paz em meio à tempestade.

7. Jesus - O nome que está acima de qualquer nome.

8. Jesus - “o nome mais doce na língua mortal, a canção de natal mais doce já cantada, Jesus, Jesus bendito!”

A. Ele nasceu o Salvador do mundo - a salvação não é uma experiência - a salvação é uma pessoa!

1. Ele é o Pão da Vida para os famintos espiritualmente.

2. Ele é a Estrela da Manhã e Brilhante na escuridão da noite.

3. Ele é o Conselheiro em meio à confusão.

4. Ele é a Luz em uma noite escura.

5. Ele é a Rocha em uma terra cansada.

6. Ele é a fonte de salvação para os perdidos.

B. Ele nasceu o Senhor de todos - muitos o chamam de Salvador, mas poucos o chamam de Senhor.

1. Ele deve ser o Senhor do seu corpo.

2. Ele deve ser o Senhor de sua mente.

3. Ele deve ser o Senhor de seus talentos.

4. Ele deve ser o Senhor do seu trabalho.

5. Ele deve ser o Senhor de sua carteira.

6. Ele deve ser o Senhor de sua casa.

7. Ele deve ser o Senhor do seu casamento.

8. Ele deve ser o Senhor do seu namoro.

9. Ele deve ser o Senhor da sua vida.

Postar um comentário

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:

1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!

Postagem Anterior Próxima Postagem
Gostou Desse Esboço? Olha a Novidade Que Tenho Para Você!

Eu preparei um E-book Com 365 Esboços de Sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá à disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! CLIQUE AQUI para adquirir seu livro.