Como a Galinha Ajunta os Seus Pintinhos

Como a Galinha Ajunta os Seus Pintinhos
Texto: Mateus 23:37-39; Lucas 13:31-35

Introdução

A. Gênesis 1:26-27: Deus diz que criaria o homem e a mulher à sua imagem e então nos diz que foi isso que Ele fez!

B. Ele criou homens e mulheres e deu-lhes papéis e características, a partir de Sua imagem, e os tornou maridos e esposas, e pais e mães para seus filhos.

1. Gênesis 2:24: “Portanto deixará o homem a seu pai e a sua mãe, e unir-se-á à sua mulher, e serão uma só carne”

2. Gênesis 3:20: A glória de toda a humanidade não foi para Adão, mas para sua esposa Eva. Ela foi chamada assim “porque era a mãe de todos os viventes”.

C. Enquanto Deus é referido nas Escrituras como Pai e Rei, e Jesus é o Rei e Salvador, ambos também se referem a si mesmos com características femininas.

1. Faz sentido que o Criador que os fez macho e fêmea à Sua imagem exiba as características que ambos devem seguir!

D. Hoje, vamos falar sobre como Deus demonstra Seu amor como uma mãe galinha que ajunta os seus pintinhos!

I. Deus é Compassivo

A. Nosso Deus é um Deus compassivo

1. Salmo 86:15: “Mas tu, Senhor, és um Deus compassivo e benigno, longânimo, e abundante em graça e em fidelidade”

a. NVI: “Mas tu, Senhor, és Deus compassivo e misericordioso, muito paciente, rico em amor e em fidelidade”.

2. Isaías 49:15: Deus se compara a uma mãe. “pode uma mulher esquecer-se de seu filho de peito, de maneira que não se compadeça do filho do seu ventre? Mas ainda que esta se esquecesse, eu, todavia, não me esquecerei de ti”

a. Israel disse que Deus se esqueceu deles (Isaias 49:14). Deus diz que uma mãe não se esquece de seus filhos, para que não os esqueça. Mesmo que uma mãe esqueça, Deus não o esquecerá.

B. Jesus é compassivo

1. Muitas vezes lemos no Novo Testamento que o Senhor teve compaixão das multidões ou daqueles que estavam doentes (Mateus 14:14; Marcos 1:41; Lucas 7:13).

2. Lemos sobre um caso em particular a respeito do homem que tinha uma legião de demônios dentro de si. Depois que os demônios foram expulsos, o homem quis seguir Jesus.

3. Marcos 5:19: “Jesus, porém, não lho permitiu, mas disse-lhe: Vai para tua casa, para os teus, e anuncia-lhes o quanto o Senhor te fez, e como teve misericórdia de ti”

4. Ele queria divulgar a notícia de que era compassivo.

C. As mães em particular refletem o espírito de compaixão

1. Não sabemos muito sobre a filha do Faraó que resgatou Moisés do rio, mas sabemos que foi a compaixão que o salvou.

2. Êxodo 2:5-6: “A filha de Faraó desceu para banhar-se no rio, e as suas criadas passeavam à beira do rio. Vendo ela a arca no meio os juncos, mandou a sua criada buscá-la. E abrindo-a, viu a criança, e eis que o menino chorava; então ela teve compaixão dele, e disse: Este é um dos filhos dos hebreus”.

3. Se não fosse o instinto natural de uma mãe de ser compassiva, Moisés poderia nunca ter sido salvo!

D. As mães compassivas são uma bênção de Deus e do Criador que é compassivo e cheio de misericórdia!

II. Deus é Cuidadoso

A. Nosso Deus é um Deus cuidadoso

1. I Pedro 5:6-7: “Humilhai-vos, pois, debaixo da potente mão de Deus, para que a seu tempo vos exalte; lançando sobre ele toda a vossa ansiedade, porque ele tem cuidado de vós”

2. Isaías 66:13: Deus se compara a uma mãe. “Como alguém a quem sua mãe consola, assim eu vos consolarei; e em Jerusalém vós sereis consolados”

3. Quando uma criança está magoada ou com medo, não há outro lugar reconfortante do que o abraço reconfortante de sua mãe!

B. Jesus é cuidadoso

1. Sabemos que Jesus cuidou de nós.

2. Romanos 5:6-8: “Pois, quando ainda éramos fracos, Cristo morreu a seu tempo pelos ímpios. Porque dificilmente haverá quem morra por um justo; pois poderá ser que pelo homem bondoso alguém ouse morrer. Mas Deus dá prova do seu amor para conosco, em que, quando éramos ainda pecadores, Cristo morreu por nós”

C. As mães são naturalmente cuidadosas

1. A mulher sunamita em 2 Reis 4:8-17 cuidou do profeta de Deus, Eliseu, e por sua vez foi capaz de cuidar de uma criança.

2. II Reis 4:8-11: 8 Sucedeu também certo dia que Eliseu foi a Suném, onde havia uma mulher rica que o reteve para comer; e todas as vezes que ele passava por ali, lá se dirigia para comer. 9 E ela disse a seu marido: Tenho observado que este que passa sempre por nós é um santo homem de Deus. 10 Façamos-lhe, pois, um pequeno quarto sobre o muro; e ponhamos-lhe ali uma cama, uma mesa, uma cadeira e um candeeiro; e há de ser que, quando ele vier a nós se recolherá ali. 11 Sucedeu que um dia ele chegou ali, recolheu-se àquele quarto e se deitou”

3. Deus a abençoou por isso: Com um filho (2 Reis 4:12-17) e com a ressureição de seu filho quando ele morreu em seus braços (2 Reis 4:18-37). Seu relato é feito como uma mulher de fé que recebeu de volta seus mortos em Hebreus 11:35.

4. Que grande exemplo ela é para nós hoje em cuidar dos outros! Ela viu uma necessidade e teve os meios e oportunidade para preenchê-la e ela o fez!

D. Mães cuidadosas são uma bênção de Deus e do Criador que cuida de nós!

III. Deus é Amoroso

A. Nosso Deus é um Deus amoroso

1. Deuteronômio 7:7-8, 13; 10:15; Sofonias 3:17; João 3:16; Romanos 5:8

2. Parte da natureza amorosa de Deus é o desejo de proteger Seu povo, e Ele é descrito como uma mamãe águia e uma mamãe ursa!

3. Deuteronômio 32:11: Ao falar sobre como Deus tirou Israel do Egito e cuidou deles no deserto, Moisés usa a imagem de uma mãe águia. “Como a águia desperta o seu ninho, adeja sobre os seus filhos e, estendendo as suas asas, toma-os, e os leva sobre as suas asas”

4. Oséias 13:8 (v. 1-16): Ao pronunciar o julgamento sobre Israel, Deus descreve a Si mesmo como uma mãe ursa roubada de seus filhotes e uma leoa perseguindo sua presa. “Como ursa roubada dos seus cachorros lhes sairei ao encontro, e lhes romperei as teias do coração; e ali os devorarei como leoa; as feras do campo os despedaçarão”

B. Jesus é amoroso e protetor

1. Romanos 5:8; 8:35-39: Ele nos amou o suficiente para morrer por nós e para nos manter em Seu amor!

2. Jesus descreveu a si mesmo como uma mãe galinha que reúne seus pintinhos em relação a como Ele queria proteger os judeus do desastre vindouro de 70 DC.

3. Mateus 23:37-38 (v. 37-39): “Jerusalém, Jerusalém, que matas os profetas, apedrejas os que a ti são enviados! quantas vezes quis eu ajuntar os teus filhos, como a galinha ajunta os seus pintos debaixo das asas, e não o quiseste!”

4. Assim como uma mãe galinha deseja aproximar sua ninhada quando os problemas aparecem, Deus deseja aproximar Seu povo em momentos de dificuldade - isso deve nos trazer grande conforto!

5. Lucas 13:34 (v. 31-35): “Jerusalém, Jerusalém, que matas os profetas, e apedrejas os que a ti são enviados! Quantas vezes quis eu ajuntar os teus filhos, como a galinha ajunta a sua ninhada debaixo das asas, e não quiseste!”

6. Por meio de Seus profetas, Deus expressou Seu desejo de libertar um Israel penitente de seus inimigos, e está fazendo isso novamente no ministério de Jesus. No entanto, os filhos de Deus irão rejeitá-Lo mais uma vez ao pregar Seu escolhido na cruz (Messias / Cristo significa "o ungido de Deus").

C. Que bela imagem isso revela sobre a natureza de Deus e o que Deus deseja nos dar.

1. O primeiro é o conforto.

a. As asas estendidas de uma galinha mãe nutrem e confortam seus pintinhos. Sob suas asas é onde seus filhotes estão seguros e aquecidos, bem ao lado de seu coração; onde eles experimentam sua gentileza e terna compaixão. É onde aqueles que se sentem vulneráveis ​​e com medo são cuidados.

b. Que lindo que Deus tem um lado macio e maternal! Há algo muito atraente em um Deus que deseja nos consolar assim.

2. O segundo é a segurança.

a. Já se aninhou nos braços de alguém e sentiu a paz e o descanso que vem por conhecer alguém mais forte do que você?

b. O coração da mãe galinha é sempre proteger seus pintinhos de qualquer coisa que possa roubar suas vidas. Ela está tão comprometida com a vida de seus filhotes que até daria sua própria vida para mantê-los seguros sob suas asas. Sem perguntas. É quem ela é. É a natureza dela.

c. É a natureza de Deus também.

d. Não é por acaso que Jesus usa essa imagem no final de sua vida. Ele prefere desistir de Sua própria vida a que percamos a nossa. Herodes é a raposa (Lucas 13:32), um inimigo dos pintinhos. Jesus iria até ele para morrer por Seu povo (pintinhos, ninhada).

e. Os braços de Jesus Cristo estendidos ao morrer na cruz são as asas de uma galinha mãe, os braços que Deus estendeu para que viéssemos e encontrássemos conforto e segurança neles (Mateus 11: 28-30: Ele oferece descanso eterno).

D. As mães são amorosas e protetoras

1. I Reis 3:16-27: Quando duas mulheres vieram ao rei Salomão, cada uma alegando ser mãe de uma criança viva e acusando a outra de trocar o filho morto pelo vivo, ele ordenou que a criança fosse cortada em dois e cada ficaria pela metade!

2. I Reis 3:26-27: Então a mulher cujo filho era o vivente falou ao rei, pois ela estava profundamente comovida com seu filho e disse: “Ah, meu senhor! dai-lhe o menino vivo, e de modo nenhum o mateis. A outra, porém, disse: Não será meu, nem teu; dividi-o. Respondeu, então, o rei: Dai à primeira o menino vivo, e de modo nenhum o mateis; ela é sua mãe”

3. Ele viu a natureza amorosa e protetora da verdadeira mãe da criança manifestar-se ao desejar que nenhum mal lhe fosse feito. Ela preferia ver seu filho criado pela outra mulher do que vê-lo morto!

4. As mães são amorosas e protetoras e desejam o melhor para seus filhos!

E. As mães amorosas são uma bênção de Deus e do Criador que nos ama e nos deu o melhor do Céu: Jesus Cristo!

Conclusão

A. Deus é descrito na linguagem masculina, mas em raras ocasiões Ele escolhe se descrever com uma linguagem feminina que transmite as características de uma mãe.

B. O poema, "O Cântico de Moisés", que fecha o Deuteronômio começa retratando Deus como Pai:

1. Deuteronômio 32:6: “É assim que recompensas ao Senhor, povo louco e insensato? não é ele teu pai, que te adquiriu, que te fez e te estabeleceu?”

C. Mas logo acrescenta mãe ao pensamento:

1. Deuteronômio 32:18: “Olvidaste a Rocha que te gerou, e te esqueceste do Deus que te formou”

2. Aqui Deus é descrito como uma mãe que deu à luz uma nação!

D. O Cristianismo é conhecido como um “novo nascimento”, que provoca a imagem de Deus como Pai e Mãe de Seu povo. Primeiro Israel (Deuteronômio 32:6, 18) e depois os cristãos (João 3:3-10; Tiago 1:18)

1. I Pedro 1:3: “Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, que, segundo a sua grande misericórdia, nos regenerou para uma viva esperança, pela ressurreição de Jesus Cristo dentre os mortos”

2. I João 4: 7: Amados, amemo-nos uns aos outros, porque o amor vem de Deus; e todo aquele que ama é nascido de Deus e conhece a Deus”.

E. Este Dia das Mães enquanto aprecia a sua mãe, louve a Deus, o Criador das mães, porque Ele as fez para serem ...

1. Compassivas

2. Cuidadosas

3. Amorosas

F. As mães refletem os atributos mais elevados de Deus! Talvez isso seja pelo menos parte do que Deus quis dizer quando disse: "Façamos o homem à nossa imagem ... Homem e mulher Ele os criou!"

G. Se não for cristão, você precisa ser! Deus tem misericórdia e compaixão por você também, então Ele lhe deu uma maneira de se reconciliar com ele. Preste atenção ao plano que Ele tem para a salvação do homem hoje!

H. Se você é um cristão e está errado ... arrependa-se de seus pecados e seja renovado! Deus é compassivo, atencioso e amoroso com você.

1. Ele está pronto como o Pai do filho pródigo para mostrar misericórdia e compaixão por você neste dia (Lucas 15:11-32).

2. Você pode se arrepender das coisas que o separaram e voltar para Seus braços amorosos!

I. Quaisquer que sejam seus pedidos, deixe-os ser conhecidos vindo AGORA enquanto cantamos!

Postar um comentário

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:

1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!

Postagem Anterior Próxima Postagem
Gostou Desse Esboço? Olha a Novidade Que Tenho Para Você!

Eu preparei um E-book Com 365 Esboços de Sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá à disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! CLIQUE AQUI para adquirir seu livro.