Uma Mãe Chamada Por Deus
Textos: Lucas 1:34-38; João 2:1-5; Mateus 12:46-50; João 19:25

Introdução: Que coisa maravilhosa que a Palavra de Deus tenha tantas mensagens para as mães.

A mãe mais famosa da história foi chamada para sua tarefa de ser mãe, assim como os pais de hoje são chamados por Deus para tal tarefa.

Vamos aprender algumas coisas sobre o que significa ser mãe chamada por Deus. Essas lições são para "mães e outras pessoas" pois todos podemos aprender com Maria, a mãe de Jesus.

I. Uma Mãe Chamada Por Deus se Submete Completamente a Vontade de Deus

Quando Maria era apenas uma adolescente, ela foi confrontada com o desafio de ser completamente submetida à vontade de Deus. Quando Gabriel entregou a ela a mensagem angelical de que ela deveria dar a luz o Cristo, Maria ficou surpresa.

A frase chave? "Eis aqui a serva do Senhor; cumpra-se em mim segundo a tua palavra..."

Maria nunca vacilou de sua completa submissão à vontade de Deus.

Ela estava nervosa? Certamente. Ela não tinha certeza de suas próprias habilidades? Quem não estaria? Ela estava ansiosa com a profecia de que parte de seu futuro incluiria dor? Claro.

Maria era um pouco como a mãe que fica acordada até tarde da noite, muito além da hora de dormir, esperando o filho que não chegou. Ela era como a mãe que faz a oração silenciosa e sentida no coração, enquanto observa seu filho se afastar da casa, levando todos aqueles instintos cruéis para as ruas de grande perigo. Maria era como qualquer mãe nesta sala, que queria apenas o melhor, apenas a maior proteção para seu filho ... e plenamente consciente de que a vida acontece, e que nem tudo na vida é agradável.

Mas Maria era diferente de muitas mães no mundo hoje. Maria era antes de tudo completamente comprometida com Deus. Ela estava tão comprometida com Deus que não tinha espaço para se comprometer com mais nada. E isso fez dela uma mãe que vale a pena imitar.

II. Uma Mãe Chamada Por Deus Não Precisa Ser Perfeita

Esta é uma grande notícia!

Apesar de ser mãe de Jesus, Maria não era perfeita! Quando Jesus realizou seu primeiro milagre, a conversa de Maria é a parte mais incomum da história da água que se transformou em vinho.

Jesus disse a Maria: "Mulher, que tenho eu contigo? Ainda não é chegada a minha hora”. Duas coisas: primeiro, uma palavra para as crianças ... Não tente fazer isso em casa! Segundo, pense no constrangimento dessa situação. O pedido e a conversa de Maria com Jesus parecem estar em desacordo com o que Jesus estava pronto para fazer. Embora Jesus tenha realizado o milagre, há um sentimento de que ele o fez em parte porque sua mãe o colocou na situação.

Se isso não é uma indicação clara da imperfeição de Maria, um segundo caso é.

Enquanto Jesus ainda conversava com a multidão, sua mãe e irmãos estavam do lado de fora, querendo falar com ele. Alguém lhe disse: "Eis que estão ali fora tua mãe e teus irmãos, e procuram falar contigo. Ele, porém, respondeu ao que lhe falava: Quem é minha mãe? e quem são meus irmãos? E, estendendo a mão para os seus discípulos disse: Eis aqui minha mãe e meus irmãos. Pois qualquer que fizer a vontade de meu Pai que está nos céus, esse é meu irmão, irmã e mãe" Mateus 12:46-50

Se Maria tivesse entendido a missão de Jesus, teria tentado interrompê-lo, ou até concordaria com seus irmãos incrédulos que seu ministério precisava ser moderado? Parando o ministério de Jesus, mesmo que por um momento? Isso foi um erro da parte de Maria.

Você cometeu erros no passado, certamente cometerá um ou dois erros hoje e cometerá mais erros amanhã. Por tudo isso, Deus a amará, trabalhará com você e a aceitará. Durante tudo isso, sua tarefa de ser mãe ou de avó será cumprida.

III. Uma Mãe Chamada Por Deus Nunca Renuncia ao Título

“Estavam em pé, junto à cruz de Jesus, sua mãe...” João 19:25

Maria não ficou estoica e passivamente ao pé da cruz, como se ela já tivesse sido feita de vitrais. Ela estava angustiada diante da cruz. Ela caiu nas profundezas ali, gemendo e chorando e implorando ao Deus do céu que parasse seu inferno na terra.

A verdade da profecia de Simeão no nascimento de Jesus foi subitamente verdadeira. A cruz cortou profundamente o coração de Maria. Apesar da dor, Maria estava lá. Ela era mãe desde o começo e mãe no final. Uma mãe chamada por Deus nunca renuncia ao título.

Você encontrará mães assim nos corredores dos hospitais infantis, em casas funerárias e nos consultórios. As mães nunca renunciam ao título, mesmo que a criança seja rebelde, insensível ou cruel. O coração dela simplesmente não permite. Não quando ela é chamada por Deus.

Quando uma mulher se torna mãe, quando um homem se torna pai, percebe-se instantaneamente que quase certamente chegará o dia em que a dor dominará o quadro. As cruzes são diferentes para cada família, mas, francamente, as cruzes geralmente vêm. Pode haver um divórcio, doença ou morte. Pode haver palavras duras e ações inaceitáveis. Pode haver amor difícil e noites impossíveis.

Por tudo isso, mães chamadas por Deus nunca renunciam ao título. Nunca. Não há nada como o amor de mãe.

Conclusão: Maria teve a oportunidade de ver todo o plano de Deus. Ela sofreu com a crucificação, celebrou a ressurreição e até fez parte do pequeno grupo que testemunhou a poderosa apresentação do Espírito Santo no dia de Pentecostes (Atos 1:14)

Que presente de Deus, viver o tempo suficiente para que a maternidade faça sentido! Alguns pais vivem o suficiente para ver o plano de Deus para seus filhos. Alguns veem Deus trabalhando na vida de seus netos. Alguns certamente veem o plano de Deus dos corredores do céu.

Toda ideia desta mensagem veio da Bíblia. Existem tantos princípios sólidos para a criação de filhos na Bíblia que nenhuma mãe ou pai pode se dar ao luxo de não conhecê-los. Se você vai ser uma mãe ou pai piedoso, certifique-se de estar imerso na Palavra de Deus, totalmente comprometido com o chamado que Ele lhe deu.
Postagem Anterior Próxima Postagem

Gostou? Olha a Novidade Que Tenho Para Você!

Eu preparei um E-book Com 365 Esboços de Sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá à disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! CLIQUE AQUI para adquirir seu livro.