O Significado Bíblico da Ceia do Senhor

O significado bíblico da Ceia do Senhor
Tema: Santa Ceia do Senhor

Texto: Mateus 26:26-30

Introdução: Antes de o Senhor Jesus Cristo deixar a terra, ele estabeleceu duas ordenanças para a igreja local. Elas são o Batismo e a Ceia do Senhor.

Nenhuma ordenança tem qualquer poder salvador, mas, o batismo é uma ordenança de identificação, enquanto a Ceia do Senhor é uma ordenança de comemoração!

Enquanto muitos cristãos podem ter participado centenas de vezes da Ceia do Senhor, isso não significa necessariamente que eles entendem tudo o que há para saber sobre ela!

Vamos buscar na Palavra de Deus, e ver se podemos descobrir o significado bíblico desta comemoração, a ceia do Senhor.

I. Considere a origem da ordenança. (Vv. 26-28).

1. A instituição veio do próprio Jesus. Não é um ritual religioso feito pelo homem. Em vez disso, ela se originou no Cenáculo de Jerusalém, a poucas centenas de metros do jardim onde Cristo seria traído e o jardim, onde Ele seria crucificado e sepultado!

2. A instrução para a Ceia do Senhor veio do próprio Jesus.

II. Considere a observância da ordenança. (Vv. 24-26).

1. Serve como um lembrete da redenção do corpo de nosso Salvador (Lucas 24:26, 46).

2. Serve como um lembrete do resgate sangue de nosso Salvador (Atos 20:28).

3. Serve como um lembrete do retorno abençoado de nosso Salvador (1 Coríntios 11:26)

Quando um crente participa da Ceia do Senhor, ele está se lembrando de e declarando aos outros a obra consumada de Cristo na cruz! A ordenança foi dada como um lembrete para manter fresco em nossas mentes tudo o que Jesus fez por nós.

III. Considere os observadores da ordenança. (1 Coríntios 11:27-31).

O versículo 27 poderia ser parafraseado em uma pergunta simples pergunta: "Por que uma pessoa perdida quer comemorar um evento que ressalta a sua própria perdição e rebelião contra o plano redentor de Deus?”.

1. A Ceia do Senhor confronta o observador que não foi salvo (vv. 27, 29).

2. A Ceia do Senhor desafia o observador, que é indigno (v. 28).

Assim como seria insensato para homens perdidos comemorar a morte de Cristo, participando da Ceia do Senhor, seria insensato para os homens salvos celebrar o seu perdão, enquanto vive uma vida de rebeldia e pecado aberto (vv. 30-31).

Conclusão: A Ceia do Senhor é um momento de reflexão, lembranças e regozijo! Ela nunca deve ser celebrada sem um exame aprofundado do nosso coração. Você está salvo? Você está em pecado?

Você está disposto a preparar o seu coração e sentar-se à mesa do Senhor?

Gostou desse esboço? Olha a novidade que tenho para você!

Eu preparei um e-book com 365 sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá á  disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! Clique Aqui para adquirir seu livro.

Nenhum comentário

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:

1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!