O Seu Privilégio Como Igreja

O seu privilégio como igreja
Texto:Colossenses 3:12-17

Introdução: Os membros do corpo de Cristo deve perceber que, juntamente com os propósitos para cumprir, também há privilégios para desfrutar.

Como cristãos, precisamos examinar esses privilégios, e perceber que é o que Deus quer que cada um de nós faça com nossas vidas na terra.

Deus lhe dá o privilégio de tornar-se:

I. Um membro de sua família.

“Assim, pois, não sois mais estrangeiros, nem forasteiros, antes sois concidadãos dos santos e membros da família de Deus" (Efésios 2:19)

A. Seguir a Cristo não é apenas uma questão de crer, também inclui pertencentes.
1. A vida cristã não é um ato solitário
2. Fomos feitos para viver em relacionamento uns com os outros
3. Deus nos deu a oportunidade de nascer de novo, para que possamos tornar-se membros de Sua família (1 Pedro 1:3)

B. Deus nos deu a igreja como uma família espiritual para o nosso próprio benefício

II. Um modelo de seu caráter.

Porque para isso fostes chamados, porquanto também Cristo padeceu por vós, deixando-vos exemplo, para que sigais as suas pisadas" (1 Pedro 2:21)

A. Deus quer que cada crente cresça semelhantes a Cristo em caráter
1. Tornar-se semelhante a Cristo é a definição bíblica de "maturidade espiritual”
2. Jesus estabeleceu um padrão para seguirmos

B. Existem várias áreas específicas nas quais os cristãos são o modelo da personalidade de Cristo (I Timóteo 4:12)
1. Na fala
2. Na vida
3. No amor
4. Na fé
5. Na pureza

C. Note que a maturidade não é medida por sua aprendizagem, mas por seu estilo de vida.
1. É possível ser bem versado ​​na Bíblia e ainda ser imaturo
2. Maturidade espiritual vem para aqueles que não apenas compreendem, mas para aqueles que colocam a Palavra de Deus em ação (Tiago 1:22)

III. Um ministro de sua graça.

“servindo uns aos outros conforme o dom que cada um recebeu, como bons despenseiros da multiforme graça de Deus" (1 Pedro 4:10)

A. Deus espera que usemos os dons, talentos e oportunidades que Ele nos dá para beneficiar os outros.

B. Deus quer que cada crente tenha um ministério
1. Quando você dá a sua vida a Cristo, você está assinando o ministério para o resto da sua vida.
2. É para isso que Deus fez você (Efésios 2:10)

IV. Um mensageiro do seu amor.

“E disse-lhes: Ide por todo o mundo, e pregai o evangelho a toda criatura" (Marcos 16:15)

A. Uma vez que um crente nasceu de novo, ele se torna mensageiro da Boa Nova aos outros.
1. Paulo diz "A vida não vale nada se eu não usá-lo para fazer o trabalho atribuído a mim pelo Senhor Jesus, a obra de contar aos outros sobre o amor infinito de Deus" (Atos 20:24)
2. Esta é uma importante responsabilidade de cada cristão. Ilustração: Muitos cristãos não são mais os pescadores de homens, mas os guardas do aquário.

B. Os filhos de Deus tem uma mensagem maravilhosa para contar aos outros
1. Paulo escreve: "Deus estava em Cristo, restaurando o mundo consigo, não imputando os pecados dos homens contra eles, mas apagando-os" (1 Coríntios 5:19-20)
2. Nós temos uma missão na terra e parte dela inclui falar aos outros sobre Cristo
3. Como embaixadores de Jesus, precisamos pleitear com os incrédulos para receber o amor que Deus oferece.

V. Um adorador do seu nome.

“Engrandeci ao Senhor comigo, e juntos exaltemos o seu nome" (Salmos 34:3).

A. Todos os crentes têm a responsabilidade pessoal de adorar a Deus
1. O primeiro mandamento diz: "Não terás outros deuses diante de mim" (Êxodo 20:3)
2. Há um impulso inato em cada cristão para adorar

B. Se o povo de Deus não adorá-Lo, eles vão encontrar outra coisa para adorar.
1. Um trabalho
2. Uma família
3. Um esporte
4. Nós mesmos

C. Mais do que qualquer outra coisa, Deus é digno de nossa adoração e devoção.

Conclusão: A família igreja tem responsabilidades para cumprir, mas também privilégios para desfrutar. Todos os crentes têm o privilégio de se tornarem membros, modelos, ministros, mensageiros e adoradores. E como corpo de Cristo, devemos valorizar cada um deles.

Gostou desse esboço? Olha a novidade que tenho para você!

Eu preparei um e-book com 365 sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá á  disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! Clique Aqui para adquirir seu livro.

Nenhum comentário

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:

1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!