Um lembrete encorajador

Um lembrete encorajadorTexto: Filipenses 3:17-21

Introdução: O cristianismo está fundamentado sobre duas verdades vitais - A cruz e a ressurreição.

Esta fundação não só fornece a segurança eterna, mas também nos dá o poder de viver cada dia de maneira digna do Senhor. Se Jesus não tivesse morrido pelos pecados da humanidade e ressuscitasse para a vida, não haveria redenção. Os cristãos ficariam confusos, sem propósito, e se perguntando como viver.
[post_ad]
Vamos meditar sobre “Um lembrete encorajador”

I. O apóstolo Paulo nos diz como devemos pensar sobre nós mesmos, à luz da morte e ressurreição de Cristo.

A cidade de Filipos era uma colônia romana, o que significava que seus moradores eram automaticamente cidadãos do Império Romano, e isso lhes davam grandes oportunidades e proteção. Como cristãos, nós também temos uma cidadania com privilégios especiais de proteção, mas não é deste mundo. É especial por que:
A. Fomos espiritualmente nascidos nele. Algumas pessoas pensam que podem conquistar a sua entrada no céu através das boas obras, mas as boas obras nunca nos levarão até lá. Jesus afirmou que existe apenas um caminho para chegar ao Pai - e que é por meio dele (João 14:6). Ele esclareceu esta verdade quando disse a Nicodemos: "Se alguém não nascer de novo, não pode ver o reino de Deus" (João 3:3).
B. Estamos registrados no Livro da Vida do Cordeiro. Não há confusão no céu sobre a nossa identidade e cidadania. Embora possamos partilhar um nome com muitas pessoas na terra, Deus conhece cada um de nós pessoalmente. No momento da salvação, nossos nomes estão inscritos no seu livro - nunca será apagado. Isso é vital porque nos dá direito a viver no céu. No juízo final de Deus, todo aquele cujo nome não for encontrado escrito no livro da vida, será lançado no lago de fogo (Apocalipse 20:11-15).
C. Nós temos uma herança no céu. Mas não é como uma herança terrena, que pode ser perdida ou roubada. Essa herança é "incorruptível, sem macula, imarcescível, reservada nos céus para vós" (1 Pedro 1:4). Embora nossa herança esteja no céu, há três coisas que podemos fazer para construí-la enquanto ainda estamos aqui na Terra - (1) amar outras pessoas, (2) dar a Deus, e (3) servir ao Senhor.

Apesar de tantas bênçãos que nos esperam no céu, o Senhor nos deixou aqui na terra para viver sua vida em e através de nós. Sua presença interior nos dá a capacidade de amar os outros - até mesmo os difíceis de ser amados. Ele também nos deu capacidade e dons com os quais o servimos.

II. Nós aguardamos o retorno de Cristo.

O conhecimento de que somos cidadãos do céu deve nos fazer desejar o retorno de nosso Salvador (Filipenses 3:20). No entanto, muitos cristãos raramente pensam sobre o retorno prometido de Cristo. Mas um dia, Jesus virá para nos arrebatar.

Os crentes devem viver continuamente com essa antecipação, pois Deus sempre cumpre suas promessas - e esta não é exceção. Uma atitude de expectativa, nunca deve nos impedir de ativamente realizar a maior parte do nosso tempo na terra. Na verdade, a melhor maneira de determinar se estamos vivendo como Deus deseja é examinar a nós mesmos e determinar o que domina nossos pensamentos e como gastamos nosso tempo.

Às vezes, nossas mentes podem estar tão consumidas com nossas obrigações e atividades que o Senhor não tem lugar em nossas vidas diárias.

III. Cristo vai transformar nossos corpos.

Quando Jesus voltar, os nossos corpos humilhados serão transformados em gloriosos (Filipenses 3:21). Nós gastamos muito tempo tentando manter e embelezar nossos corpos terrestres. Não podemos fazer nada se comparado com o que Deus vai realizar. Embora nós não saibamos exatamente como seremos; nós vamos ter o caráter de Cristo (1 João 3:2).
Vamos tornar as pessoas que Deus finalmente destinou para sermos. Os corpos que temos agora são da terra, natural, fraco e mortal. Mas o Senhor vai transformá-los em corpos celestes que serão fortes, gloriosos, imortais e imperecíveis. Nós não teremos limitações e nunca vamos morrer.

Conclusão: Depois de descrever as glórias que nos esperam; a admoestação final, de Paulo mostra como devemos responder: "Portanto, meus amados irmãos, sede firmes e constantes, sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que o vosso trabalho não é vão no Senhor” (1 Coríntios. 15:58).

A maneira mais eficaz que podemos servir a Deus é deixar Cristo demonstrar a Sua vida através de nós e compartilhar o evangelho com as pessoas que não conhecem. Assim como Jesus enviou Seus discípulos como mensageiros da verdade que transforma, Ele nos envia para amar, dar, e servir em seu nome para que outros possam ouvir sobre o Salvador e tornarem-se cidadãos do céu.

Pr. Aldenir Araújo

Gostou desse esboço? Olha a novidade que tenho para você!

Eu preparei um e-book com 365 sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá à disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! Clique Aqui para adquirir seu livro.

Um lembrete encorajador Reviewed by Aldenir Araujo on segunda-feira, junho 17, 2013 Rating: 5

Nenhum comentário:

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:
1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!

All Rights Reserved by O Pregador © 2014 - 2015
Designed by Blogger

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.