Igreja e Dinheiro

Igreja e Dinheiro
Segundo uma pesquisa recente, os brasileiros estão mais cínicos do que nunca. Nós não confiamos nos políticos ou na economia e a maioria desconfiam da igreja. Uma das famas que as igrejas têm, hoje, é que elas estão sempre pedindo dinheiro.

Isso me lembra da mãe que ficou histérica porque o pequeno Jimmy tinha engolido uma moeda. Ela se virou para o marido e gritou para ele chamar um médico. Então ele pegou o telefone, mas em vez de chamar o médico, ele decidiu chamar o seu pastor. A mulher ficou chateada e disse: "Nós não precisamos do pastor, precisamos de alguma ajuda médica!"  Então o marido respondeu: "Ei, esqueceu; o nosso pastor pode tirar dinheiro de qualquer pessoa!”.[post_ad]“O amor ao dinheiro tem sido a tragédia na vida de muitos lideres na atualidade”

“O dinheiro suscita a maior parte das vociferações que ouvimos: é o dinheiro que fatiga os tribunais, é ele que coloca pais e filhos em desavença, é ele que derrama venenos, é ele que põe a espada nas mãos dos assassinos e das legiões; ele está manchado de sangue nosso; é por causa dele que as discussões de marido e mulher ressoam na noite, é por causa dele que a turba aflui aos tribunais; por causa dele, os reis massacram, saqueiam e arrasam cidades que demoraram séculos a construir, para procurarem ouro e prata entre as cinzas. Vês os cofres arrumados a um canto? É por causa deles que se grita até os olhos saírem das suas órbitas e que os brados ressoam nos tribunais; é por causa deles que juízes vindos de regiões longínquas se reúnem para decidir qual é a avidez mais justa.

E quando, não por um cofre, mas por um punhado de ouro ou por um denário que se dispensaria a um escravo, se perfura o estômago de um velho que ia morrer sem herdeiros? E quando, possuindo vários milhares, um usurário de pés e mãos deformados, incapaz sequer de mexer no dinheiro, reclama, furioso, os juros dos seus asses? Se me apresentasses todas as minas e todo o dinheiro que delas retiramos, se pusesses aos meus pés todos os tesouros escondidos (pois a avareza devolve ao interior da terra aquilo que dela fora retirado com maldade). não creio que todas estas riquezas conseguissem impressionar um homem virtuoso. Quão risíveis são todas as coisas que nos provocam lágrimas!”

Séneca, in 'Da Ira'


Gostaria que você deixasse a sua opinião sobre esse assunto: "Igreja e dinheiro" É importante, conto com sua participação!

Um forte abraço. 

Gostou desse esboço? Olha a novidade que tenho para você!

Eu preparei um e-book com 365 sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá à disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! Clique Aqui para adquirir seu livro.

Igreja e Dinheiro Reviewed by Aldenir Araujo on quarta-feira, abril 25, 2012 Rating: 5

3 comentários:

  1. O inimigo das nossas almas joga sujo. Aproveita a brecha deixada por alguns lideres religiosos e implanta a dificuldade financeira na vida deles. Com isso eles se sentem na obrigação de buscar solução para o problema financeiro. Ao invés de reverem seus gastos, buscam aumentar a receita da igreja para justificarem um aumento de salário!
    E aí que mora o perigo, Jesus deix de ser o foco. O mundo percebe isso e muitas pessoas se afastam das igrejas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem razão Bruno, quando Jesus deixa de ser o foco estamos fadados ao fracasso. Obrigado pela sua participação.

      Um forte abraço

      Excluir
  2. é lamentável essa ganancia que existe em muitas igrejas, e tem até cartão de crédito que é para o diabo não fazer vc mudar de idéia... triste realidade...

    ResponderExcluir

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:
1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!

All Rights Reserved by O Pregador © 2014 - 2015
Designed by Blogger

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.