Série: A Vida de Saul - Três Provas: Três Fracassos – Parte 3

Série: A Vida de Saul - Três Provas: Três Fracassos – Parte 3
Texto: I Samuel 15:1-35

Introdução: Saul passou na história como um grande fracasso numa época em que Israel precisava de um grande sucesso. Ele perdeu a bênção de Deus, sua coroa e sua vida. Saul é culpado por seus próprios fracassos. Ele abandonou o caminho de Deus e começou a viver de substitutos.

Neste décimo quinto capítulo encontramos vários substitutos, que Saul fez.

I. Ele substituiu Falar Por Fazer. (v. 14)

A. A ordem de Deus é dada nos versos 1-3
1. É clara e concisa
2. Não há espaço para mal-entendidos

B. Saul atua sobre a ordem de Deus no versículo 4-9
1. Ele faz preparação para a batalha
2. Ele cria um plano de ataque e prossegue
3. No entanto, ele desobedece a Deus no versículo 8-9.

C. Deus revela o pecado de Saul a Samuel nos versículos 10-14
1. Samuel está de coração partido com este último fracasso e passa a noite inteira em oração com lágrimas.
2. Samuel confronta Saul na manhã seguinte após seu retorno.
3. Saul 'disse' que ele tinha obedecido ao mandamento de Deus, mas suas ações eram mais altas que suas palavras!

D. É fácil para nós fazermos a mesma coisa, mas Deus não quer palavras no lugar das ações.
1. Tiago 1:22, "E sede cumpridores da palavra e não somente ouvintes, enganando-vos a vós mesmos"
2. 1 João 1:6,8,10 "Se dissermos que temos comunhão com ele, e andarmos nas trevas, mentimos, e não praticamos a verdade", "Se dissermos que não temos pecado nenhum, enganamo-nos a nós mesmos, e a verdade não está em nós", "Se dissermos que não temos cometido pecado, fazemo-lo mentiroso, e a sua palavra não está em nós".
3. Substituir o falar por fazer resulta em terrível deterioração de nossa vida espiritual.
4. Nossa caminhada deve estar em harmonia com o que nós falamos.

II. Ele Substituiu Desculpas Por Confissão. (v. 15-21)

A. Note as desculpas de Saul:
1. No capítulo 13, Saul culpou Samuel por não ter chegado quando deveria.
2. No capítulo 14, Saul culpou Jônatas pelo fracasso de Israel em destruir os filisteus porque ele havia comido um pouco de mel.
3. Agora, Saul culpa o povo por não obedecer ao mandamento de Deus.

B. Uma desculpa é a recusa em ser honesto e aceitar a responsabilidade por nossas ações.

C. Provérbios 28:13: "O que encobre as suas transgressões nunca prosperará; mas o que as confessa e deixa, alcançará misericórdia"

D. Se você e eu desobedecemos a Deus, devemos ser honestos e confessar nosso pecado.

E. "Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda injustiça" I João 1:9

III. Ele Substituiu Sacrifício Por Obediência. (v. 22-23)

A. Deus não é glorificado na desobediência.
1. A obediência leva à vitória, enquanto a desobediência resulta em derrota.
2. Como resultado da contínua desobediência, rebelião e teimosia de Saul, Saul foi rejeitado por Deus por ser rei sobre Israel.

B. Devemos ter cuidado para não substituir palavras vazias ou exibições externas de espiritualidade pelo verdadeiro serviço e obediência a Deus.

C. Salmo 51:17, "O sacrifício aceitável a Deus é o espírito quebrantado; ao coração quebrantado e contrito não desprezarás, ó Deus"

V. Ele Substituiu Reputação Por Caráter. (v. 24-35)

A. Observe a resposta de Saul à rejeição.
1. Mais desculpas, agora ele admite o pecado, mas ele coloca a culpa no povo.
2. Aqui encontramos confissão, mas ainda não há arrependimento.
3. Ele queria um perdão 'fácil' para o seu pecado, ele não queria enfrentar as consequências de sua desobediência.

B. Samuel declara novamente que Deus rejeitou Saul. v. 26-29
1. Como Saul rasgou a orla do manto de Samuel assim (Deus não teria rejeitado Saul) Deus tirou o reino de Israel de Saul.
2. Deus não se arrependeria.
3. Saul deveria ter verdadeiramente se arrependido de seu pecado, mas ao invés disso ele recusou e deu desculpas.
4. No versículo 29, Samuel enfatiza muito bem sua afirmação de que a "Força de Israel" não mentirá como Saul, e não mudará de ideia.

C. Saul responde a Samuel no verso 30-31
1. À primeira vista, pode parecer que Saul se arrependeu verdadeiramente.
2. No entanto, observe que Saul pediu a Samuel que voltasse e adorasse com ele "diante dos anciãos, do meu povo".
3. Ele ainda estava mais preocupado com o que as pessoas pensavam dele do que com o que Deus pensava.
4. Ele substituiu reputação por caráter.
a. Reputação é o que os homens pensam que somos.
b. Caráter é o que Deus sabe que somos.

D. Samuel termina a tarefa que Saul deveria fazer. v. 32-35
1. Ele chama pelo rei Agague, e Agague pensou que ele estava seguro uma vez que o homem de Deus tinha chamado por ele.
2. Samuel destrói totalmente o rei.
3. Ele então lamenta a desobediência de Saul.

E. Se começarmos a viver para agradar as pessoas, estamos nos encaminhando para o problema.
1. Se estamos apenas pensando em nossa reputação, então começaremos a pegar atalhos e a dar desculpas como Saul.
2. Deus nunca nos chamou para sermos populares ou ter uma grande reputação.
3. Ele nos chamou para sermos fiéis e honestos diante dEle.

Conclusão: Deus havia avisado a Saul sobre a rebelião em 12:15 e 24. Quando tememos o Senhor, não precisamos temer as pessoas. Saul estava vivendo de substitutos e, como resultado, perdeu mais do que esperava. Ele perdeu seu caráter, sua coroa, sua vitória e seu bom amigo Samuel.

Gostou desse esboço? Olha a novidade que tenho para você!


Eu preparei um e-book com 365 sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá á  disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! Clique Aqui para adquirir seu livro.

Série: A Vida de Saul - Três Provas: Três Fracassos – Parte 3 Série: A Vida de Saul - Três Provas: Três Fracassos – Parte 3 Reviewed by Aldenir Araujo on setembro 15, 2018 Rating: 5

Nenhum comentário:

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:

1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!

Tecnologia do Blogger.