O Batismo no Espírito Santo é o que Nós Precisamos

O Batismo no Espírito Santo é o que Nós Precisamos
O Sermão em uma Sentença: Se nossas igrejas desejam ter poder para resistir e mudar nossos ambientes, nosso povo precisa estar batizado no Espírito Santo.

O Propósito do Sermão: Que os crentes compreendam a necessidade de ser capacitados pelo Espírito Santo e que eles busquem e recebam o batismo no Espírito Santo.

Textos: Lucas 24.49; Atos 1.4-8; 8.14-17; 19.1-7.

Introdução

1. Receber o batismo no Espírito Santo é a solução para os que são mornos, mundanos e para os que têm uma fé rasa na igreja de hoje.

2. O ambiente de louvor na igreja hoje revela uma igreja desesperadamente necessitada do poder do Espírito Santo.

I. Uma Igreja Doente

A. Quando Paulo chegou a Éfeso, ele descobriu uma igreja doente.
1. Era pequena e fraca.
2. Era incapaz de impactar sua cidade para Cristo.

B. A igreja estava sendo opressa e sufocada pelo seu ambiente.
1. O culto à deusa Diana dominava a cidade.
2. O culto de Diana envolvia feitiçaria, magia negra, bruxaria e perversão sexual.
3. A igreja era sem poder para combater estas forças demoníacas.

C. Muitas igrejas hoje estão na mesma condição.
1. Elas estão sendo sufocadas por seu ambiente.
2. Elas são carnais, fracas, e sem poder para combater o mal dos seus ambientes.

II. Prescrição Para a Cura.

A. Paulo conhecia a cura para a doença da igreja – o batismo no Espírito Santo.

B. A igreja em Éfeso precisava dois remédios:
1. Conhecimento: Eles precisavam ter sua teologia corrigida.
2. Experiência: Eles precisavam o poder do Espírito.
3. Paulo falou destes dois assuntos:
a. Ele corrigiu seu conhecimento (Atos 19.1-4).
b. Ele os levou à experiência (Atos 19.5-6).

C. O mesmo é verdade com a igreja de hoje:
1. Nós precisamos entender o que a Bíblia ensina sobre o batismo no Espírito Santo:
a. É separado da salvação.
b. É para todos os crentes.
c. É para ter poder de testemunhar e representar Cristo.
d. É evidenciado pelo falar em línguas.
2. Como os doze discípulos Efésios, cada de nós precisa experimentar o batismo no Espírito Santo.

III. Os Benefícios do Batismo no Espírito Santo.

A. Muitos benefícios vêm de receber o Espírito, incluindo:
1. A presença pessoal de Jesus torna-se mais real (João 14.15-17; 16.14-15).
2. Nós somos capacitados para viver vidas santas (Romanos 8.2,13).
3. Nós somos ajudados com nossas orações (Romanos 8.26-27).
4. Nós somos confortados em tempos difíceis (João 14.16, 26; 15.26; 16.7, Almeida; Atos 18.9-11).

B. O benefício mais importante é que nós recebemos poder para sermos testemunhas de Cristo (Atos 1.8).

IV. Receba O Espírito Santo

A. Nós recebemos o Espírito como indivíduos (Atos 9.17-18).

B. Nós precisamos ser zelosos em desejar a experiência (Mateus 5.6; João 7.37).

C. Nós precisamos nos arrepender, pedindo para o Espírito Santo (Atos 2.38).

D. Nós precisamos ter fé (João 7.38; Marcos 11.24).

Conclusão e Apelo

1. Somente na medida em que os crentes estiverem cheios do Espírito é que a igreja será bastante poderosa para resistir os efeitos do seu ambiente.

2. Somente então teremos poder para impactar e mudar nossas cidade e aldeias para Cristo.

3. Vem, agora, ser cheio do Espírito.

Gostou desse esboço? Olha a novidade que tenho para você!

Eu preparei um e-book com 365 sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá á  disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! Clique Aqui para adquirir seu livro.

Nenhum comentário

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:

1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!