A Unção que Quebra o Jugo
O Sermão em uma Sentença: Nós precisamos ser ungidos pelo Espírito para que possamos quebrar os jugos que amarram o povo.

O Propósito do Sermão: Que crentes possam ser batizados no Espírito Santo para que eles possam ser ungidos pelo Espírito para libertar o povo da sua escravidão.

Texto: Isaías 10.27

I. Os juízes quebraram o jugo por causa da unção.

A. Eles quebraram a escravidão política através do poder do Espírito Santo.

B. Cinco exemplos:
1. Otoniel (Juízes 3.10).
2. Débora (Juízes 4.4)
3. Gideão (Juízes 6.14, 34).
4. Jefté (Juízes 11.29).
5. Sansão
a. O Espírito o incitou (Juízes 13.25).
b. O Espírito veio sobre ele (Juízes 14.14).

II. Jesus quebrou o jugo por causa da unção.

A. Jesus declarou que através do Espírito Ele poderia quebrar a escravidão espiritual, física e emocional (Lucas 4.17-18).

B. Ele cumpriu a promessa no Pentecostes (Atos 2.1-4).

C. Uma vez que receberam o Espírito, os discípulos saíram e ministraram no poder e unção do Espírito Santo.
1. Por exemplo: O ministério ungido de Pedro e João à Porta do templo, chamada Formosa (Atos 3.1-10).

III. Hoje nós também temos sido chamados para quebrar os jugos por meio da unção.

A. Hoje as pessoas estão amarradas por muitas coisas.
1. Amarradas pelo pecado.
2. Amarradas pelo ocultismo.
3. Amarradas pelo Islamismo.

B. Nós precisamos ser ungidos pelo Espírito se nós vamos ser usados por Deus para quebrar estes jugos.

C. Como podemos ter esta unção?
1. Nós precisamos nos submeter “Àquele que unge” (Jesus).
2. Nós precisamos estar em união.
a. Nossa união é a união de propósito... de promoção... de determinação.
b. Salmo 133.1-3. (Nota como esta união resulta em unção que resulta em bênção).
c. Precisamos ser disponíveis a Jesus para Lhe permitir nos ungir.

Conclusão e Apelo

Vem para receber a unção sendo batizados no Espírito Santo.