Promessa de Provisão

Promessa de provisão
Texto: Filipenses 4:19
Introdução: Em toda a Escritura, Deus promete aos fiéis que Ele proverá para eles. História após história demonstra a capacidade incrível do Pai ao satisfazer as necessidades de Seus filhos; físicas, emocionais e espirituais.
Deus assume total responsabilidade por nossas necessidades quando O obedecemos. Se nossos pedidos estão aparentemente sem resposta, devemos avaliar cuidadosamente a nós mesmos. Por quê? Sem perceber, podemos estar prejudicando a resposta à nossa oração.

I. O que a Palavra de Deus diz?

A. As promessas das Escrituras:[post_ad]1. Jesus disse aos Seus discípulos para não se preocupar com comida ou roupa (Mateus 6:25-26). Uma vez que o Pai cuida até mesmo das aves do céu, certamente podemos contar com ele para cuidar de nós.
2. Deus não retém coisas boas daqueles que vivem retamente (Salmos 84:11). Quando colocamos nossa confiança inteiramente no Senhor, Ele oferece o melhor para nós (Salmos 81:10, 16).
B. Exemplos bíblicos:
1. Abraão: O Senhor permitiu que o patriarca e sua esposa tivessem um filho na sua velhice.
2. Moisés: Deus usou Moisés para libertar seu povo do cativeiro egípcio.  

II. Possíveis causas de necessidades não satisfeitas.

A. Nós confundimos necessidades com desejos. Devemos avaliar se o nosso pedido é um desejo ou uma necessidade. Peça ao Pai para ajudá-lo a discernir entre os desejos e os essenciais. Lembre-se que Ele sabe o que nos falta, mesmo antes de dizer a Ele (Mateus 6:8).
B. Nós reivindicamos a Escritura, mas fora do contexto. Filipenses 4:19 diz: "O meu Deus, segundo as suas riquezas, suprirá todas as vossas necessidades em glória, por Cristo Jesus" Esta promessa não se aplica àqueles que vivem em rebelião contra ele. Às vezes, o Senhor adia a resposta as nossas orações até que Ele possa lidar com uma área de pecado em nossa vida.
C. Nós não pedimos. "Pedi, e dar-se-vos-á; buscai, e encontrareis; batei, e abrir-se-vos-á" (Mateus 7:7). Você vai ao Senhor com os seus pedidos? Se não, você não pode esperar receber as coisas dele. Mas tenha certeza de que seus motivos são puros, porque o Pai não vai premiar o egoísmo (Tiago 4:3).
D. Nós não conseguimos fazer a nossa parte. Deus não vai fazer o que você está equipado para fazer. Por exemplo, você deve trabalhar, a menos que uma deficiência o impeça de permanecer em um emprego (II Tessalonicenses 3:7-10).
E. Nós nos recusamos a esperar no tempo de Deus. Não se apresse em algo ou tente pressionar o Senhor. Muitas pessoas perdem presentes maravilhosos, porque eles se recusam a seguir agenda de Deus.
F. Nós não estamos abertos aos métodos do Senhor. Não diga a ele como atender sua necessidade. Às vezes, Deus proverá através de pessoas que você não conhece ou de maneira que você menos espera.
G. Nós perdemos o foco. Quando você pensa constantemente na sua necessidade, ela torna-se maior em sua mente, e como resultado, Deus parece menor. Jesus disse aos seus seguidores "buscai primeiro o reino de Deus e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas" (Mateus 6:33). Isso significa que o nosso principal objetivo deve ser o de honrar ao Senhor.
H. Não confiamos em Deus. Nosso Salvador prometeu: "Por isso vos digo que tudo o que pedirdes, orando, crede que o recebereis, e tê-lo-eis;" (Marcos 11:24). Se Deus confirmou que Ele vai satisfazer suas necessidades, então você pode ter certeza que Ele vai fazê-lo.
 
Conclusão: Se você é um seguidor de Jesus, você tem um Pai celestial que está empenhado em satisfazer as suas necessidades. Mas o que você deve fazer quando parece que Deus não está trabalhando ao seu favor? Caia de joelhos diante dele e ore: "Senhor, mostre-me onde estou errando, ou dai-me paciência para esperar em Ti, se não é ainda o tempo”
Mesmo quando o Pai parece distante, Ele nunca para de trabalhar em sua vida. Deus será fiel às suas necessidades no momento certo e na sua maneira perfeita. Ele é capaz de fazer "muito mais abundantemente além daquilo que pedimos ou pensamos" (Efésios 3:20). O Senhor se deleita em dar-lhe o seu melhor. Basta obedecer a Deus e deixar todas as consequências com ele.
 
Pr. Aldenir Araújo

Gostou desse esboço? Olha a novidade que tenho para você!

Eu preparei um e-book com 365 sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá á  disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! Clique Aqui para adquirir seu livro.

Nenhum comentário

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:

1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!