Satanás e seus ardis

Satanás e seus ardis
Texto: Mateus 4:1-11
Introdução: Parte da vida cristã é o envolvimento na guerra espiritual. Nós estamos do lado de Deus e o maior inimigo de Deus - Satanás - é também o nosso maior adversário. O orgulho de Satanás foi a causa principal de sua queda do céu (Lucas 10:18). Ele não foi originalmente criado um demônio, mas um querubim que guardava o trono de Deus. Ele se rebelou contra Deus (Isaías 14:12- Ezequiel 28:14-15) e se opõe a tudo o que pertence a Deus. A Bíblia nos ensina a estar atentos aos ardis de Satanás (II Coríntios 2:11).
O conhecimentos avançados de suas táticas é a chave para alcançar a vitória.
Vamos agora observar os métodos de Satanás e aprender do encontro do Senhor com ele no deserto.

I. A abordagem ousada de Satanás. V. 1-2.

[post_ad]A. Este misterioso evento foi uma oportunidade dirigida pelo Espírito Santo para o Filho de Deus ter um confronto cara a cara com o diabo que é o deus e príncipe deste mundo (II Coríntios 4:4 - João 12:31). O Senhor Deus da terra (Gênesis 24:3).
B. Observe que o diabo não hesitou em se aproximar e tentar Cristo. As pessoas imaginam que o uso de amuletos e rituais pode afugentar Satanás, mas é superstição pagã!
C. O diabo ousa aproximar-se de toda a carne, incluindo o próprio Deus manifestado na carne, a fim de roubar, matar e destruir (João 10:10a). Ele é o nosso adversário a quem Pedro compara a um leão que ruge procurando audaz sua presa (I Pedro 5:8).

II. As perguntas astutas de Satanás. V. 3-6.

A. É interessante notar que as primeiras palavras gravadas de Satanás no Antigo Testamento e Novo Testamento foram questões duvidosas (Gênesis 3:1 cf. Mateus 4:3). Ele sempre questiona a integridade do Senhor.
B. Duas vezes Satanás disse a Jesus: "Se tu és o Filho de Deus" (Mateus 4:3,6). A palavra "SE" sugere uma condição que é duvidosa e não 100% certo. Por seu uso da palavra "SE" o diabo estava lançando dúvidas e emitindo um desafio para a pessoa e o poder do Senhor Jesus Cristo.
C. Esse é o dispositivo do diabo e seus seguidores. Eles questionam a verdade e transformam-na em uma mentira (João 8:44 - Romanos 1:25). Louve a Deus, temos uma arma poderosa para resistir a todas as mentiras e dúvidas - a palavra da verdade, a Bíblia Sagrada.
D. A segunda tentação do diabo envolveu um convite para mostrar o poder de Cristo na mesma hora ao invés de morrer e aguardar a sua ressurreição milagrosa (v. 5-6 confere com Salmos 91:11-12). Da mesma forma, Satanás quer que façamos a coisa certa na hora errada, quando o tempo de Deus parece estar fora de sincronia!

III. Os atalhos atraentes de Satanás. V. 7-11.

A. O diabo pensou que poderia convencer Cristo a transformar as pedras em pão, após o jejum de 40 dias. Mas Cristo não faria um milagre apenas para seu simples conforto. Deveríamos também ter o cuidado com pregadores que afirmam milagre após milagre para escapar de algumas adversidades e sofrimentos da vida cristã.
B. Observe que o diabo tentou seduzir Cristo a 3ª vez com a instante presente regra sobre todos os reinos do mundo ao invés de esperar para a Sua Segunda vinda futura (v. 8-9).
C. O diabo chegou a propor um atalho para tentar convencer Jesus a fim de evitar a cruz como o instrumento da nossa salvação. Jesus chamou Pedro de "Satanás", quando ele sugeriu uma coisa dessas (Mateus 16:21-23). Fato é, "sem derramamento de sangue não há remissão" (Hebreus 9:22). Devemos rejeitar os atalhos de Satanás, não importa quão bons eles pareçam (Provérbios 16:25).
D. O diabo sabe que nós humanos somos impacientes por natureza, especialmente quando nossas necessidades físicas e conforto estão chateados. É por isso que ele vem para nos tentar a tal hora em que somos vulneráveis ​​fisicamente, emocionalmente, financeiramente e espiritualmente. Ele apela para os desejos da carne dos olhos e a soberba da vida, bem como - de que Deus nos advertiu contra estritamente (I João 2:16 - I Pero 2:11).

Conclusão: Em todos os três incidentes consecutivos da tentação do diabo, Jesus citou as escrituras de Deuteronômio, quando disse: "Está escrito..." Compare o seguinte: v. 4 (confere com Deuteronômio 8:3), v.7 (confere com Deuteronômio 6:16); v. 10 (confere com Deuteronômio 10:20). Nas três ocasiões, Ele respondeu com a Palavra de Deus (Efésios 6:17). Vamos aprender uma lição com Cristo.
Em tempos de provações e tentações acreditar e aplicar a Bíblia!

Pr. Aldenir Araújo

Gostou desse esboço? Olha a novidade que tenho para você!

Eu preparei um e-book com 365 sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá á  disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! Clique Aqui para adquirir seu livro.

Nenhum comentário

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:

1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!