Algumas coisas sobre o “AMOR”


Algumas coisas sobre o “AMOR”
Texto: I João 3:11-18
Introdução: Todos nós usamos a palavra "amor" e com toda a probabilidade cada um de nós tem uma definição diferente de "amor". "Amamos" chocolate, "amamos" pescar, "amamos" sair de férias, "amamos" a nossa família e é claro "amamos" a Deus. Então, o nosso "amor" significa a mesma coisa toda vez que usamos a palavra? Vamos considerar algumas coisas sobre a palavra "amor". Veja se é o mesmo tipo de "amor" que você tem.

I. “Amor”, o maior ato: “... Ele deu a Sua vida por nós...”.

1. O "amor" se originou com Deus Todo-Poderoso.
2. O "amor" foi manifestado na sua forma mais evidente através do Filho de Deus, Jesus Cristo.
3. O "amor" é canalizado através de Jesus Cristo.
4. O "amor" revelou-se por Jesus, que entregou a Sua vida por nós.
5. O "amor" e o seu verdadeiro significado foi revelado por Jesus Cristo, oferecendo-se pelo nosso pecado.
6. O "amor" foi revelado sob as mais estranhas circunstâncias "em que, quando éramos ainda pecadores, Ele morreu por nós...”.
7. O "amor" não tem limites, uma vez que alcança o mundo inteiro.
8. O "amor" pretende salvar, purificar e nos levar a presença de Deus, aceitos como Seus filhos.
9. Este é o "amor" em seu maior ato.

II. "Amor", a maior lição.

1. O "amor", ensina a verdade sobre nós que nós esquecemos ou talvez nunca conhecemos.
a. Todo mundo é muito precioso aos olhos de Deus.
b. Sempre que sacrificamos a nós mesmos por outra pessoa é a mais nobre expressão de "amor".
c. Ele precisa ser usado em:
- Remover obstáculos e entraves ao progresso humano seja dentro ou fora.
- Criar e manter novos esforços para levantar uma pessoa, tanto físico quanto espiritual.
- Ele vai nos ensinar e revelar que o "amor" em primeiro lugar veio do Céu e nos mostra o caminho certo.
2. O "amor" mostra-nos um novo direito, o de dar a nós mesmos para os outros.
3. O "amor" pode se tornar uma fonte de inspiração dentro de nós.
4. O "amor" é o teste de nosso caráter verdadeiro, "o quanto eu realmente amo o meu próximo?"
5. O "amor" gera um novo e terno desejo, “não amemos de palavra, nem de língua, mas por obra e em verdade”.

Conclusão:
1. O "amor" foi feito por Deus e Seu Filho, Jesus, para você e para mim, para todos nós.
a. Alguns aceitaram este grande ato de "amor", outros têm adiado a aceitá-lo.
2. O "amor" provoca uma grande mudança que acontece quando ele é aceito como Deus quer que nós o aceitemos.
3. Olha o estado em que vivíamos:
a. Nós já estávamos condenados e vivendo em um mundo de trevas espirituais.
b. Estávamos moralmente e espiritualmente mortos.
c. Nós vivíamos em um estado contínuo de pecado, separados de Deus.
4. Olhe o estado que vivemos agora:
a. Nós fomos adotados como filhos de Deus.
b. Nós estamos unidos, unidos a Deus pela nossa fé em Jesus Cristo.
c. Nós entramos na verdadeira vida e luz.
d. Nós temos a presença contínua do Espírito Santo para nos ajudar em todas as coisas.
5. Neste momento, aceite este "amor" de Deus que Ele tem mostrado tão claramente através e em Seu Filho, Jesus. Se entregue a Ele agora.

Pr. Aldenir Araújo

Gostou desse esboço? Olha a novidade que tenho para você!

Eu preparei um e-book com 365 sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá á  disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! Clique Aqui para adquirir seu livro.

Nenhum comentário

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:

1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!