Série: Marcas de Um Cristão: Generosidade

Série: Marcas de Um Cristão: Generosidade
Texto: Atos 20:35
Introdução: Paulo disse: "... eu trago no meu corpo as marcas do Senhor Jesus". É claro que ele estava falando sobre as marcas físicas de sofrimento e perseguição que o identificava com o seu Senhor. Mas hoje eu quero que nós, mais uma vez consideremos o fato de que nossa vida deve ser marcada para o Senhor. Não fisicamente, mas espiritualmente! Deve haver algumas características em nossas vidas que nos identificam como servos de Cristo.
 
Hoje à noite vamos observar outra das marcas espirituais de um cristão. É a marca da generosidade. Isto não se limita ao que fazemos com o dinheiro! O que fazemos com o dinheiro é um reflexo da nossa generosidade, mas a generosidade vai muito além de finanças.[post_ad]Generosidade é o ato de fazer mais do que se espera de você. Pode-se dizer que você é generoso? Se nós apenas fizermos o mínimo, ou se só fizermos aquilo que se espera de nós, então nós não apresentamos a característica de generosidade.

I. Exemplos bíblicos de generosidade.

A. O apóstolo Paulo.
1. Antes de ser salvo, ele era um fariseu rigoroso que não se importava com ninguém, mas apenas consigo mesmo.
2. Depois que ele conheceu Jesus, seu coração foi aberto a todos os homens.
3. Ele ministrou a todas as classes, ele estava em casa no mercado ou no majestoso palácio do rei.
4. Em uma cidade as pessoas o rejeitaram e a mensagem que ele pregou a tal ponto que eles o apedrejaram e o deixaram para morrer. (Atos 14:19)
5. Mas ele voltou para aquelas pessoas e as servia.
6. Paul disse que ele "... Fiz-me tudo para todos..." 1 Coríntios 9:22
7. Paulo foi além do que se esperava dele e mostrou uma atitude generosa de serviço aos outros.
B. O bom samaritano.
1. Estamos todos familiarizados com a história contada por nosso Senhor.
2. Aqui está um judeu que tinha sido atacado e deixado ferido ao longo da estrada.
3. Os religiosos do dia observaram ele em sua condição e não viram a necessidade de sair de seus caminhos para ajudá-lo.
4. Mas um samaritano (eles eram conhecidos por seu ódio aos judeus e, em contrapartida os judeus os odiavam) foi e ministrou às necessidades deste homem ferido.
5. Ele colocou de lado todas as diferenças culturais e num espírito de generosidade cuidou daquele homem.
6. Ele certamente foi além do que se esperava dele.
C. Jesus, mais uma vez o nosso grande exemplo.
1. Não houve prejuízo nEle.
2. Ele olhou com amor igual os judeus e gentios, ricos e pobres, escravos ou livres.
3. Ele viu suas necessidades e respondeu a elas.
4. A mulher pecadora gritou por socorro, outros teriam a apedrejado, mas Jesus perdoou e a libertou.
5. Durante todo o Seu ministério O vemos dando de si mesmo uma e outra vez.
6. Ele deu seu tempo, sua vida, seu amor, e Seu sangue.

II. A quem devemos ser generosos?

A. Para com os nossos amigos e entes queridos.
1. Às vezes, somos mais mesquinhos para com os que mais amamos.
2. A Bíblia nos diz que o homem que não cuida dos seus é pior do que o infiel. 1 Timóteo 5:8
3. Você já conheceu uma pessoa que faria qualquer coisa por outra pessoa, mas não tiraria tempo para fazer qualquer coisa para a sua família?
4. Se alguém precisar ver um espírito generoso em nós são aqueles que mais amamos!
B. Para com os nossos inimigos.
1. É difícil ser generoso com aqueles que nos feriram.
2. Mas quando aprendemos a perdoar rapidamente aqueles que nos fazem mal, estamos manifestando o espírito de generosidade de Cristo.
3. Nota: Mateus 5:44 - Um proprietário de escravos muito cruel tinha acabado de dar ao seu escravo cristão uma surra terrível e com raiva disse: "O que pode o seu Jesus fazer por você agora?" O escravo, espancado e sangrando, respondeu: "Mestre, Ele pode me dar a graça de perdoar!" Esse é o espírito de generosidade de Cristo. "Pai, perdoa-lhes porque não sabem o que fazem..." Lucas 23:34
C. Para com os de fora.
1. Como respondemos a outras pessoas?
2. Saímos de nosso caminho afim de alcançá-los com o evangelho?
3. Aqueles que vêm a esta igreja, fazemos com que eles se sintam bem-vindos? Será que os incluímos em nossas conversas e nossos planos?
4. No nosso amor um pelo outro, vamos ter cuidado para não se esquecer de ser generoso com aqueles que não fazem parte do nosso grupo!
5. Devemos ser generosos para com todos os homens, percebendo o que Deus fez por todos eles e que Cristo derramou Seu sangue por todos eles.

III. Por que devemos ser generosos?

A. Porque Deus foi muito generoso com a gente!
1. Eu não tenho que expandir esse pensamento muito longe.
2. Tudo o que devemos fazer é parar e considerar o que Deus fez por nós.
3. O que seria de nós se Deus escolhesse remover sua mão por apenas um segundo?
B. Porque nós somos mordomos.
1. Um mordomo é aquele que detém a propriedade em confiança para o outro.
2. Somos mordomos do que Deus nos abençoou.
3. Se um mordomo é honesto ele não usa essa propriedade para si mesmo.
4. Paulo disse que, como mordomos, precisamos ser fiéis.
5. Será que demostramos generosidade em nossas vidas, compartilhando fielmente o que Deus tem nos abençoado?
6. As diferenças entre o Mar Morto e o Mar da Galiléia são muitas, mas hoje eu quero que nos consideremos apenas algumas delas:
a. O Mar da Galiléia é cheio de vida e fornece um meio de vida para muitos nessa área... o Mar Morto é apenas isso.
b. Ambos têm uma fonte que os alimenta continuamente com água fresca.
c. O Mar da Galiléia, também tem uma saída para dar de novo e de novo, mas o Mar Morto não tem saída; ele recebe, mas não dá ... por isso é morto!
 
Conclusão: Hoje à noite, o que você quer ser? Vivo e vibrante e abençoar muitas pessoas? Ou morto e, literalmente não serve para nada? A diferença tem a ver com o espírito de generosidade. Quando outros olham para nossas vidas o que eles veem? Eles precisam ver Jesus! O mundo precisa ver seu reflexo em nossas vidas.
 
Pr. Aldenir Araújo
 
Leia também:

Gostou desse esboço? Olha a novidade que tenho para você!

Eu preparei um e-book com 365 sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá à disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! Clique Aqui para adquirir seu livro.

Série: Marcas de Um Cristão: Generosidade Reviewed by Aldenir Araujo on segunda-feira, janeiro 26, 2015 Rating: 5

Nenhum comentário:

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:
1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!

All Rights Reserved by O Pregador © 2014 - 2015
Designed by Blogger

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.