Por que os pastores? Natal

Por que os pastoresTexto: Lucas 2:8-20
Introdução: O nascimento de Jesus Cristo não foi revelado para reis e governantes. Não foi revelado para a elite religiosa. Quando Deus veio a terra, Ele deixou o mundo saber, anunciando o nascimento de Seu Filho a humildes pastores.
Por quê?
Talvez ele quisesse que os pobres e marginalizados da sociedade soubessem que eles eram importantes também. Pode ser que Deus queria que o mais humilde da humanidade percebesse que seu amor os incluía; especialmente em um mundo onde eles eram normalmente excluídos.[post_ad]Além disso, parece-me que Ele queria que todos nós compreendêssemos que as qualidades do amor, misericórdia e compaixão é para ser estendido a todos, independentemente da sua posição social.

I. Deus revela-se ao mais humilde da humanidade. Lucas 2:8-10

Nota: Entre os judeus na época do nascimento de Cristo, os pastores não eram tidos em grande estima. No Talmude está escrito que os pastores não eram autorizados nos tribunais para ser testemunhas. De fato, o Talmude ensina que nenhuma ajuda poderia ser dada aos pagãos ou pastores. Os pastores eram desprezados porque eles não podiam comparecer aos serviços do templo e manter os rituais e as leis cerimoniais quando os seus rebanhos os impedia de praticar a sua religião.
A. Jesus se identifica com o manso e humilde. Mateus 11:28-30, 1 Coríntios 1:26-30; 1 Pedro 5:5
1. Ele se identifica com aqueles que estão cansados. (Mateus 11:28-30)
2. Ele se identifica com aqueles que são incultos (incultos para o mundo). (1 Coríntios 1:26-30)
i. Se Deus fosse revelado na sabedoria do homem, apenas homens sábios poderia conhecê-Lo.
ii. Se Deus fosse revelado na força do homem, apenas homens fortes poderiam conhecê-Lo.
iii. Se Deus fosse revelado nas realizações do homem, apenas o orgulhoso poderia conhecê-Lo.
iv. Se Deus fosse revelado na riqueza do homem, só os ricos poderiam conhecê-Lo.
v. Deus escolheu se revelar naqueles que são desprezados no mundo, de modo que quando o milagre da salvação é operado neles, somente Deus recebe a glória.
3. Ele se identifica com aqueles que são humildes. (1 Pedro 5:5)
4. Ele se identifica com os que são tentados. (Hebreus 4:15-16)
i. Jesus suportou as mesmas tentações que todos nós enfrentamos, mas permaneceu sem pecado porque era impossível Ele pecar.
ii. Sendo tentado como nós, Ele se compadece das nossas fraquezas. (Salmo 103:13-14)
iii. Ele conhece a luta com a tentação, porque Ele enfrentou todo o peso da tentação.
iv. Nunca somos totalmente tentados, porque na nossa fraqueza, eventualmente desmoronar sob a tensão.
v. Mas porque Jesus não poderia pecar, Ele foi forçado a suportar o peso da tentação, sem possibilidade de alívio.
vi. Nossa única via de escape da tentação é confiar no trono da graça.
vii. Aqui encontramos a nossa rota de fuga. (1 Coríntios 10:13)
B. Jesus cuida de mim como um pastor cuida de seu rebanho. João 10:11-16
1. O Pastor dá a sua vida pelas ovelhas.
2. Ele cuida de suas ovelhas, ele avisa as ovelhas quando o lobo está próximo.
3. Ele procura por outras ovelhas, para que também se tornem parte do rebanho.

II. Deus revelou-se como o mais humilde da humanidade. Lucas 2:11-12

A. Jesus nasceu em um lugar reservado para os animais.
1. Talvez isso fosse apropriado para aquele que era o Cordeiro de Deus.
2. Uma tenda animal, com cheiro de feno e estrume velho, era uma imagem adequada do mundo em que Deus havia entrado.
B. Jesus nasceu nas profundezas da pobreza.
1. Jesus nasceu na pobreza para que pudesse alcançar aqueles que eram pobres de espírito.
2. Ele nasceu na pobreza para que os pobres soubessem que eles são bem-vindos.
3. Ele nasceu na pobreza para mostrar que a salvação não é um privilégio reservado apenas para alguns poucos felizardos.
4. Ele nasceu na pobreza para mostrar que a salvação não pode ser comprada a qualquer preço.
5. Jesus veio a primeira vez na pobreza, mas Ele virá novamente como Rei dos Reis.
C. Jesus nasceu na obscuridade e humildade. Miquéias 5:2
1. Com exceção de seus pais terrenos, Ele nasceu como Ele morreu - sozinho.
2. Não havia nenhum hospital, nenhum médico, e nenhuma parteira.
3. Ele não veio com pompa e circunstância.
4. Sua missão era morrer, não ser um rei.

III. Deus revela-se na adoração do mais humilde da humanidade. Lucas 2:15-20

A. A mensagem foi entregue - Temos que recebê-la. Lucas 2:15, 1 Tessalonicenses 2:13, João 1:12
1. Assim que os anjos entregaram a mensagem, os pastores partiram para Belém.
2. Eles foram a Belém para "ver os acontecimentos que o Senhor nos deu a conhecer", não para "ver se isso ia acontecer”.
3. Eles ouviram a palavra de Deus, e creram. (1 Tessalonicenses 2:13)
4. Da mesma forma, quando cremos em Deus e em Sua palavra, e cremos que Jesus Cristo veio para nos salvar, nos tornamos filhos de Deus. (João 1:12)
B. A mensagem foi entregue - Temos de agir sobre ela. Lucas 2:16
1. Suas ações provou a sinceridade de sua crença.
2. Porque eles creram em Deus, eles foram apressadamente e encontraram o Rei recém-nascido.
3. O que eles fizeram foi fundado sobre a crença sincera de que o Messias tinha finalmente chegado.
C. A mensagem foi entregue - Temos que compartilhá-la. Lucas 2:17-18
1. O fato de que tantas crianças estão morrendo de fome é trágico.
2. Que isso está acontecendo em nossos dias revela uma falta grave de compaixão para com nossos semelhantes.
3. Mas ainda mais trágico é o número incontável de almas que entram na eternidade sem Jesus Cristo.
4. Quantos vão morrer hoje sem ouvir o evangelho?
5. Quantos nos encontramos hoje que nunca ouviram o evangelho?
6. Quantos vão cruzar os nossos caminhos que não conhecem a Jesus Cristo como seu Salvador?
7. Nós temos a responsabilidade de contar aos outros sobre Cristo, como estamos fazendo? (Mateus 28:19)
D. A mensagem foi entregue - Devemos louvar a Deus por isso. Lucas 2:20
1. Depois de compartilhar a boa notícia, os pastores voltaram aos seus campos e glorificavam a Deus pelo que tinham visto.
2. Não era uma moda passageira.
3. Eles tinham visto o Cristo, e deram a Deus a glória que Ele merecia.

Conclusão: Por que os pastores? Sendo um com conhecimento infinito, tenho certeza de que Deus tinha muitas razões pelas quais Ele Se revelou aos pastores. Em minha opinião, o Seu propósito principal era o de transmitir a mensagem de que o evangelho é aberto a qualquer um que esteja disposto a acreditar.

Quando Jesus nos mandou ir para o mundo inteiro e pregar o evangelho, Ele nunca especificou a quem devemos ir. Na verdade, quando Ele nos disse para ir para a Judéia e Samaria, e até aos confins da terra (Atos 1:8), Ele eliminou qualquer possibilidade de discriminação de nossa parte.

Todo mundo tem necessidade da salvação, independentemente de sua situação financeira ou posição social.

Pr. Aldenir Araújo

Gostou desse esboço? Olha a novidade que tenho para você!

Eu preparei um e-book com 365 sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá à disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! Clique Aqui para adquirir seu livro.

Por que os pastores? Natal Reviewed by Aldenir Araujo on quinta-feira, dezembro 20, 2012 Rating: 5

Nenhum comentário:

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:
1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!

All Rights Reserved by O Pregador © 2014 - 2015
Designed by Blogger

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.