O poder de um relacionamento pessoal com Deus

O poder de um relacionamento pessoal com Deus
Texto: João 15:15
Introdução: Por que Deus criou você?
O que Ele quer de você acima de tudo que você tem?
Por que Ele foi a tais extremos para salvar você e eu, dando-nos o seu Filho unigênito?
A razão é simplesmente esta: Deus deseja ter um relacionamento pessoal com cada um de nós. V. 14-15

I. Nós fomos feitos à imagem de Deus, estamos, portanto preparados para ter um relacionamento pessoal com ele.

Considere todas as coisas que Jesus fez com os discípulos. Ele...
A. Orou com eles.[post_ad]B. Comeu com eles.
C. Riu com eles. (As crianças eram atraídas para ele, então ele deve ter sido humilde e acessível).
D. Compartilhou sua transfiguração e o aparecimento de Elias e Moisés com eles.
E. Pescou com eles.
F. Livrou-os das tempestades.
G. Reprovou-os, mas nunca os condenou.
H. Era transparente. (Ele não fazia segredo do fato de que Ele e o Pai eram um só).
I. Chorou com a morte de Lázaro.
J. Entristeceu-se ao ponto de morte na noite anterior à Cruz.

II. Como posso ter um relacionamento pessoal com Deus?

A. Reconhecer que o meus pecados fazem separação entre eu e Deus. Temos uma natureza pecaminosa. Não é só porque fazemos coisas erradas. Nossas obras não podem nos salvar. Mesmo que reforma o nosso comportamento, ainda temos uma natureza corrupta.
B. Creia que Jesus Cristo veio para ser o substituto para cada um de nós. Quando Jesus Cristo foi para a cruz, Deus, o Pai colocou todos os nossos pecados do passado, presente e futuro sobre ele. Isso não significa que agora podemos ir longe com o pecado. Deus ainda nos disciplina. Isso significa que podemos estar confiantes sobre onde vamos quando morremos.
C. Entenda que quando pecamos, como crentes, podemos ser perdoados e nossa comunhão restaurada.
D. Aceitar o amor que Deus tem para nós como um pai.

IV. O que acontece quando eu tenho um relacionamento pessoal com Deus?

A vida será:
A. Emocionante. O Deus do universo tem uma aventura para mim enquanto eu o sigo.
B. Desafiador. Você vai enfrentar tentações e provações.
C. Purificação. Deus vai trazer à superfície os pecados que você nunca percebeu que estavam lá.
D. Um processo de amadurecimento. A relação pessoal com Deus leva tempo para se desenvolver.
E. Revestimento. O Espírito Santo permite que você se tornar a pessoa que Deus quer que você seja.
F. Deliciosa. Quando você se deliciar em Deus, Ele lhe concederá os desejos do seu coração.

V. Quando você começa a buscar um relacionamento pessoal com Deus:

A. Ele protege você de desperdiçar sua vida, destruindo o seu corpo, seguindo falsas ideologias, e desperdiçando suas finanças.
B. Você vai sentir que o Senhor está sempre próximo. Você vai começar a chamá-lo de "meu Pai" e considerar Jesus Cristo como seu melhor amigo.
C. Você não vai se sentir sozinho. Você pode ter momentos de solidão, mas você será capaz de sentir sua presença com você. Ele prometeu nunca te deixarei, nem te desampararei.
D. O pecado vai começar a perder seu atrativo.
E. O Espírito Santo falará através de você.
F. Você terá o desejo de Deus ser exaltado através de sua vida, através de sua caminhada, suas palavras, e seu trabalho. 

Conclusão: Faça a si mesmo a pergunta: Eu tenho um relacionamento pessoal com Deus, ou eu só sei algo sobre Ele? Ele deseja ter um relacionamento íntimo com você que vai levar os não crentes a Cristo.

Pr. Aldenir Araújo

Gostou desse esboço? Olha a novidade que tenho para você!

Eu preparei um e-book com 365 sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá à disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! Clique Aqui para adquirir seu livro.

O poder de um relacionamento pessoal com Deus Reviewed by Aldenir Araujo on quinta-feira, outubro 13, 2011 Rating: 5

Nenhum comentário:

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:
1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!

All Rights Reserved by O Pregador © 2014 - 2015
Designed by Blogger

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.