Quando as Coisas dão Errado

Quando as Coisas dão Errado
Texto: Tiago 1:2-4
Introdução: Você já ouviu alguém dizer: "Se você fosse um cristão melhor, então você não teria todos estes problemas." Bem, se você não descobriu ainda, estou aqui para lhes dizer que ser cristão não irá torná-lo imune aos problemas e dificuldades na vida. Como Jó disse, (e ele devia saber) "Mas o homem nasce para o trabalho, como as faíscas das brasas se levantam para voar." (Jó 5:7) Como você lida com os problemas e desgraças que acontecem em sua vida? Quando a vida lhe dá um limão, você apenas se assenta com um olhar azedo em seu rosto, ou você faz uma limonada?
[post_ad]
Havia um menino na escola um dia, parece que tudo deu errado. No primeiro intervalo esfolou os joelhos. No almoço, ele caiu e arrebentou os lábios. Depois, durante o dia quebrou um braço. No caminho para casa vindo hospital, seu pai notou que o menino segurava algo na mão. Seu pai lhe perguntou o que ele tinha na mão. O menino respondeu: "Rapaz este é o meu dia de sorte. Achei 25 centavos no parque infantil" 
Esta semana queremos falar sobre as situações do dia a dia que se parecem mais com a tortura chinesa da água que nos desgasta uma gota de cada vez. Tiago em 1:2-4, fala-nos sobre aqueles tempos: "Quando passardes por várias provações." Observe que Tiago usa a palavra "quando" e não "se". As dificuldades vão vir até nós. Por mais que gostaríamos, simplesmente não há como evitar os problemas. Isso não deve ser nenhuma surpresa para nós pois Jesus advertiu os apóstolos, e nós, em João 16:33, "No mundo tereis tribulações." Essas provas podem vir de muitas fontes de muitas formas diferentes. Esta noite, só quero meditar sobre três. 

I. A origem das provações.

A. As circunstâncias da vida. Tal como o nosso menino no recreio, às vezes parece que as gangues da vida estão em cima de nós e uma coisa após a outra vai mal. A perda de um emprego, doença ou lesão, problemas conjugais, um ato aleatório de violência, a perda de um ente querido, e assim por diante. Às vezes parece que temos mais desses tipos de problemas que a nossa capacidade de suportá-los.
Às vezes, parece que a "Lei de Murphy" está fazendo horas extras. Você sabe o que diz a Lei de Murphy? "Se alguma coisa pode dar errado, vai dar". A segunda fonte de problema que queremos analisar esta manhã é a tentação.
B. A tentação. Satanás muitas vezes faz grandes esforços para nos levar para longe de Deus. Às vezes nos sentimos como um alcoólico trancado sozinho em uma loja de bebidas. Tentações parece vir quando menos esperamos e estamos menos preparados para lidar com elas. Quando o diabo tentou Jesus (Mateus 4:1-11)? Depois de ter passado 40 dias no deserto, e não antes. O diabo estava lá o tempo todo, "como leão que ruge procurando alguém para devorar” (I Pedro 5:8). Mas ele espera para nos atacar onde e quando estamos mais vulneráveis. Então, muitos de nossos problemas poderiam ser ataques do demônio tentado nos a pecar.
C. O pecado. Às vezes nossos problemas são provocados por nossas próprias ações. Isto é, quando somos tentados e, em seguida, sucumbimos à tentação. Nós temos nos envolvido em atividades que têm prejudicado a nossa saúde, nossa conta bancária, o nosso relacionamento com nossos familiares e amigos, ou o nosso relacionamento com Deus. Pecamos e agora estamos presos com as consequências.

II. Nossa reação as provações

Tiago nos diz que temos uma escolha sobre a forma como reagimos a essas provações. Sua rcomendação? "Tende grande gozo" Temos que considerar ou dirigir a nossa mente. Temos de assumir o controle de nossa mente e decidir como queremos reagir ao problema. Quando os problemas chegam, nossa reação natural como seres humanos é prantear, lamentar e perguntar: "Porque eu?" Nós muitas vezes não temos o controle sobre o que acontece conosco, mas Tiago diz que nós temos o controle sobre a forma como reagimos a esses acontecimentos. Podemos e devemos conduzir nossas mentes para não olhar para as provações do ponto de vista humano natural, mas do ponto de vista de Deus. 
Provações e tentações não são alegres. É difícil e às vezes impossível ser feliz quando a vida se vira contra nós. Mas se o buscarmos, podemos ver algo positivo em tudo. 
Muitas vezes vemos os primeiros cristãos, regozijando-se com algumas das circunstâncias mais difíceis. Em Atos 5, os apóstolos foram presos e açoitados por pregar o evangelho de Cristo no Templo. Em Atos 5:41, lemos: "Retiraram-se, pois, da presença do conselho, regozijando-se de terem sido considerados dignos de sofrer afronta pelo nome de Jesus." Em Atos 16, Paulo e Silas foram jogados na prisão. De fato, o verso 24 nos diz que as autoridades ". . . jogou-os na prisão interior e lhes prendeu os pés no tronco." Não havia TV e muito menos tempo para recreação nessa prisão. Mas no verso 25, encontramos Paulo e Silas "orando e cantando hinos de louvor a Deus..." Porque eles foram capazes de estar cheios com tanta alegria, enquanto suportavam maus tratos tão terríveis? Tiago explica Tiago 1:3-4. 

III. O resultado das provações

A. As provações são para testar a nossa fé.
A idéia da prova é a ação que se toma para provar, com a expectativa de aprovação, ou para ver se uma coisa é verdadeira ou não. Como podemos saber se somos um bom motorista, encanador, cozinheiro, mecânico, etc, se nunca praticarmos qualquer dessas habilidades. Da mesma forma, como nós saberemos se a nossa fé em Deus é verdadeira, se ela nunca foi provada? 
Se lembra quando Deus provou Abraão em Gn 22, pedindo-lhe para sacrificar seu único filho, Isaque? Depois que Abraão demonstrou sua vontade de obedecer a Deus, decidindo matar seu único filho, só parando quando o anjo de Deus, o deteve, Deus diz em Gênesis 22:12: "agora sei que temes a Deus."
Quando os problemas nos levam a nossos joelhos, nós também saberemos se temos fé. Então quando temos problemas em nossa vida, podemos considerar a alegria, porque sabemos que se lidarmos com eles corretamente, manter a atitude correta e conduzir a nossa mente no caminho certo, podemos saber que temos fé e que a nossa fé é forte.
B. As provações produzemr resistência.
Como se preparar para correr uma maratona? Será que é só se levantar pela manhã, ir para a corrida e começar a correr? NÃO! É preciso se preparar por semanas, mês ou até mesmo anos para executar uma corrida de 30 kilometros. As provações pode nos dar esse tipo de resistência que nos permite perseverar firmemente através das circunstâncias mais adversas. O apóstolo Paulo disse em Romanos 5:3 que "...Nós também nos gloriamos nas tribulações, sabendo que a tribulação produz perseverança".
C. Provações produzem maturidade ou integridade, de maneira que nos falte nada.
Ilustração: Quebra-cabeça com uma peça faltando. Ele não está completo. O apóstolo Pedro discute esse aspecto das provações em I Pedro 1:6-9.

Conclusão: Então, quando estamos rodeados por provações, tribulações e tentações, não devemos nos preocupar de onde vêm. Não devemos sentar e lamentar o nosso destino. Em vez disso, devemos disciplinar a nossa mente e encarar cada problema como uma oportunidade para se aproximar de Deus através do aumento da fé e perseverança, sabendo que vamos nos tornar mais completos e mais maduros, mais parecidos com Cristo. 
Quando as coisas dão errado, meus irmãos, "Tende grande alegria!" Tiago 1:2ª.

Pr. Aldenir Araújo

Gostou desse esboço? Olha a novidade que tenho para você!

Eu preparei um e-book com 365 sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá à disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! Clique Aqui para adquirir seu livro.

Quando as Coisas dão Errado Reviewed by Aldenir Araujo on sexta-feira, agosto 13, 2010 Rating: 5

2 comentários:

  1. DIRETO DO CORAÇÃO DE DEUS, EXCELENTE EXPLANAÇÃO. PARABÉNS PELO MINISTÉRIO PASTOR ARAUJO!!!

    ResponderExcluir
  2. @Edvalter
    Obrigado amigo Edvalter. Sua participação é 10. Valeu!

    Um forte abraço

    ResponderExcluir

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:
1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!

All Rights Reserved by O Pregador © 2014 - 2015
Designed by Blogger

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.