Arrependimento: A palavra esquecida

Arrependimento: A palavra esquecidaTexto: Mateus 4:17

Introdução: A palavra arrependimento está sendo esquecida e rejeitada em muitas igrejas hoje em dia.

Não é popular falar de arrependimento, porque as pessoas não voltarão a igreja.
Mas ainda que seja anulada de alguns púlpitos, não foi anulada da Palavra de Deus.
De fato a Bíblia tem muito a dizer com relação ao arrependimento.
Na Bíblia existe um mandamento para o arrependimento.
Se olharmos para a vida de Jesus, o primeiro sermão que Ele pregou foi a respeito do arrependimento.
Mateus 4:17 “Desde então começou Jesus a pregar: “Arrependei-vos, porque o reino dos céus está próximo”
[post_ad]
A última mensagem que Jesus enviou a Igreja em Apocalipse 3:19, Ele também pregou arrependimento.
“Eu repreendo e castigo a todos quanto amo; sê, pois, zeloso e arrepende-te.” (Apocalipses 3:19)
E em Lucas 13:1-5 Jesus novamente pregou uma mensagem de arrependimento. “Naquela mesma ocasião, chegando alguns, falavam a Jesus a respeito dos galileus cujo sangue Pilatos misturara com os sacrifícios que os mesmos realizavam. Ele, porém, lhes disse: Pensais que esses galileus eram mais pecadores do que todos os outros galileus, por terem padecido estas coisas? Não eram, eu vo-lo afirmo; se, porém, não vos arrependerdes, todos igualmente perecereis. Ou cuidais que aqueles dezoito sobre os quais desabou a torre de Siloé e os matou eram mais culpados que todos os outros habitantes de Jerusalém? Não eram, eu vo-lo afirmo; mas, se não vos arrependerdes, todos igualmente perecereis.”
Duas vezes neste texto Jesus enfaticamente disse “eu vo-lo afirmo; mas, se não vos arrependerdes, todos igualmente perecereis.”

Neste texto havia uns que estavam falando de algumas pessoas que Pilatos havia matado e outros que morreram com a queda da torre de Siloé.
E queriam saber que pecados tão terríveis estes haviam cometido para acontecesse a eles o que aconteceu.

Mas, em outras palavras Jesus lhes disse, que eles não haviam sido mortos porque eram mais pecadores que outros; e que o simples fato de que eles não estavam experimentando problemas em suas vidas, não significava que não teriam que arrepender-se.

Então, todos estamos chamados ao arrependimento.

Mas, o que é arrependimento?

Quero vos falar hoje, sobre o significado do arrependimento.

I. O arrependimento é mais que uma convicção.

A razão pela qual o arrependimento é mais que uma convicção, é porque você pode estar convicto do seu pecado e não arrepender-se.
Atos 24:25 “Dissertando ele acerca da justiça, do domínio próprio e do Juízo vindouro, ficou Félix amedrontado e disse: Por agora, podes retirar-te, e, quando eu tiver vagar, chamar-te-ei;”
Aqui podemos ver que Paulo pregou a Félix até que literalmente se espantou debaixo da convicção, mas, não se arrependeu.
Estava convicto, mas, não procedeu ao arrependimento.
Quantas pessoas sabem que são alcóolatras, drogadas, que estão pecando, mas não se arrependem.

II. O arrependimento é mais que uma confissão de pecado.

Você pode confessar teu pecado, mas de todas as formas não ter arrependido.
Existem vários episódios na Bíblia quando as pessoas literalmente disseram, “Eu tenho cometido pecado”.
Confessaram seu pecado, mas sem dúvida nenhum deles se arrependeu. Vejamos alguns exemplos:
A. Uma confissão de terror. Quando Deus enviou granizo e fogo ao Egito, Faraó disse. “eu pequei”. Mas em Êxodo 9:34 “Tendo visto Faraó que cessaram as chuvas, as pedras e os trovões, tornou a pecar e endureceu o coração, ele e os seus oficiais”
B. Uma confissão hipócrita. Balaão queria servir a Deus, mas também queria tirar proveito dos ganhos financeiros por debaixo dos panos. Quando a jumenta lhe falou, o preveniu da ira de Jeová, e em Números 22:34, “Então, Balaão disse ao Anjo do SENHOR: Pequei, porque não soube que estavas neste caminho para te opores a mim; agora, se parece mal aos teus olhos, voltarei” Mas, na realidade, ele nunca mudou, nunca se arrependeu.
C. Uma confissão pela metade. O rei Saul decidiu ficar com o despojo da guerra, e foi contra a ordem de Deus. Quando foi confrontado pelo profeta Samuel, Saul disse em 1 Samuel 15:24 “Então, disse Saul a Samuel: Pequei, porquanto tenho traspassado o dito do Senhor e as tuas palavras; porque temi o povo e dei ouvidos a sua voz” Saul disse “Pequei”, mas tinha uma desculpa por haver feito, não assumiu a responsabilidade por suas ações. Exemplo: O diabo me incitou a fazer…
D. Uma confissão elaborada. Também podemos falar de Acã na batalha de Jericó. Ele também como Saul tomou um despojo da guerra contra a ordem de Deus. Quando foi descoberto seu pecado, Acã respondeu em Josué 7:20 “… verdadeiramente pequei…”. Mas sua confissão foi elaborada, ele não estava realmente arrependido pelo seu pecado, ele estava arrependido porque o haviam surpreendido. Em outras palavras o surpreenderam com as mãos na massa e ele então elaborou um arrependimento.
E. Uma confissão desesperada. Judas confessou depois de ter traído a Jesus. Em Mateus 27:4 Judas disse “Pequei, traindo sangue inocente…” Mas isto foi unicamente uma confissão de remorso. O Arrependimento é mais que uma convicção ou confissão de pecado. Cada um destes homens usaram as palavras “Eu pequei”, mas nenhum deles se arrependeu.

III. O Arrependimento é uma mudança de coração.

Muitos dizem que o arrependimento é fazer um giro de 180 graus; mas sem dúvida a Bíblia diz que o arrependimento é dar meia volta do pecado para Jesus.
Existe uma ação negativa e positiva envolvida.
Paulo disse em Atos 20:21 que devemos estar “testificando, tanto aos judeus como aos gregos, acerca do arrependimento para com Deus, e da fé em nosso Senhor Jesus Cristo”

Você não pode arrepender-se a menos que dê meia volta e volte-se para Jesus Cristo.
Deves dizer a Deus que estás arrependido de teus pecados e então dar meia volta em direção a Jesus para perdão dos seus pecados.

Conclusão: O arrependimento é uma continua mudança de coração.
Devemos admitir que não é algo que fazemos uma só vez para ser salvos e então nos esquecer.

Arrependimento é uma crise seguida por um processo, vivemos arrependendo dia a dia.
Qual é a motivação para o arrependimento?
Porque todos somos pecadores Atos 17:30 diz “Mas Deus, não tendo em conta os tempos da ignorância, anuncia agora a todos os homens, em todo lugar, que se arrependam”

O arrependimento é a única maneira de remover a maldição da culpabilidade. Seu coração nunca encontrará paz, sem o arrependimento.

Isaías 57:20 diz “Mas os ímpios são como o mar bravo que se não pode aquietar e cujas águas lançam de si lama e lodo…” (Não pode encontrar descanso)
O arrependimento permite que a graça de Deus trabalhe em seu coração.

Deus te salvará, mas não podes estar agarrado ao pecado e a Jesus ao mesmo tempo. É hora de arrependimento!

Pr. Aldenir Araújo

Gostou desse esboço? Olha a novidade que tenho para você!

Eu preparei um e-book com 365 sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá à disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! Clique Aqui para adquirir seu livro.

Arrependimento: A palavra esquecida Reviewed by Aldenir Araujo on sexta-feira, junho 04, 2010 Rating: 5

4 comentários:

  1. Muito bom, Jesus é fiel E só ELE é digno de honra...

    ResponderExcluir
  2. @Anônimo
    Exatamente colega! Obrigado por participar.
    Um forte abraço.

    ResponderExcluir
  3. Ministração como essa tão rara hj nas igrejas " Arrependimento "

    ResponderExcluir
  4. Arrependimento!!
    Ministração como essa tão rara e tão nescessária hj nas igrejas!

    ResponderExcluir

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:
1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!

All Rights Reserved by O Pregador © 2014 - 2015
Designed by Blogger

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.