Pecado Texto: Salmos 51

Introdução: Alguma vez você já se perguntou se você poderia pecar - tanto ou tão mal - que Deus não poderia te perdoar? Você acha que poderia haver pecados fora do alcance do perdão de Deus?

Eu me pergunto o que esses pecados pareceria. Seriam os pecados egocêntricos - como o orgulho a arrogância - egoísmo? Seriam os pecados de posição - onde tirar proveito de alguém - porque você tem um desejo tão grande de alcançar o sucesso, ou porque você tem uma necessidade de estar no controle? Seriam os pecados da emoção - onde há uma exibição de raiva, seguidos de brutalidade e talvez assassinato?

Acho que todos os pecados são egocêntricos e, claro, estão fora da vontade de Deus para nossas vidas. A Bíblia nos diz: "Por tudo o que há no mundo, a concupiscência da carne, a concupiscência dos olhos e a soberba da vida, não é do Pai, mas do mundo" 1 João 2:16

O pecado basicamente se resume a desobediência a Deus. Nosso texto de hoje pode ser encontrado em II Samuel. Acompanhe-me na leitura: “Então, Davi disse a Natã: Pequei contra o Senhor..." 2 Samuel 12:13

Acho que a maioria de vocês se lembram da história de Davi e Bate-Seba - mas se você não se lembra, deixe-me refrescar sua memória - ela é encontrado no capítulo onze de segundo Samuel.

Foi o que aconteceu na época do ano quando a maioria dos reis saíam para o campo de batalha para a guerra. Davi, no entanto, tinha decidido ficar em casa esse ano. Uma noite, Davi não conseguia dormir então ele se levantou e saiu no telhado para apanhar ar fresco. Do terraço da casa real, ele viu uma bela mulher com o nome de Bate-Seba tomando banho. Ele descobriu que ela era a mulher de Urias, que estava na guerra na época. Assim, Davi se aproveitou da situação e convidou Bate-Seba ao seu palácio. Bem, uma coisa levou a outra e ela acabou ficando grávida. Então, Davi decidiu que precisava cobrir seu caso com Bate-Seba e mandou Urias voltar para casa e relatar como a guerra estava indo. Depois de Urias dar o relatório - o rei Davi fez uma sugestão.

Ele disse: "Por que você não vai para casa - descansar e relaxar - e se acalme antes de voltar para a batalha?"

Davi calculou que se Urias voltasse para casa - dormisse com sua mulher Bate-Seba; ninguém saberia que ele tinha um caso com Bate-Seba. Mas as coisas não funcionaram como Davi tinha planejado. Em vez de ir para casa - Urias se deitou a porta da casa real. Agora, Davi tinha um verdadeiro problema. Então ele chama Urias novamente.

Ele disse: "Urias, o que você está fazendo? Eu não disse que você deve ir para casa e descansar e relaxar? Mas eu não entendo; nem sequer entrou em sua casa! O que está acontecendo?"

Urias respondeu: "Você espera que eu tenha um bom tempo, quando todos os outros soldados estão dormindo em campo? Como eu poderia fazer isso? Simplesmente não me parece justo"

Então Davi disse, "Venha a uma festa hoje à noite e amanhã você pode voltar para a batalha"

Bem, a festa teve muita comida e muita bebida. Parece que Urias estava cheio de ambos. Ele ficou bêbado. Mas ele ainda não entrou em sua casa.

Então Davi mandou Urias de volta para a batalha com uma carta ao general Joabe dizendo: "...Ponde Urias na frente da maior força da peleja; e retirai-vos de detrás dele, para que seja ferido e morra" II Samuel 11:15

O general Joabe fez como Davi lhe ordenara. Ele colocou as tropas perto da muralha da cidade e vários soldados morreram naquele dia, juntamente com Urias. Davi teve êxito na morte de Urias.

Logo depois - Bate-Seba se muda para casa de Davi e se torna sua esposa. O plano de Davi parecia um sucesso.

Mas o capítulo onze termina com estas palavras: "...Porém essa coisa que Davi fez pareceu mal aos olhos do Senhor" 2 Samuel 11:27

Esta noite eu gostaria de falar sobre “Cinco fatos sobre o pecado”.

Primeiro fato...

1. O pecado nunca pode ser escondido

Davi tentou encobrir seu caso com Bate-Seba – olhe o resultado. Isso levou ao engano - que levou à morte.

Pensamos que ninguém vai saber. No entanto, sabemos e Deus sabe. Colocamos os pecados em nossos armários na esperança de que eles não vão ser descobertos. Esperando que eles irão desaparecer - mas eles não desaparecerão. Números capítulo trinta e dois nos lembra: "...porém sentireis o vosso pecado quando vos achar" Números 32:23

Como cães de caça - os nossos pecados parecem seguir-nos onde quer que vamos.

Não - o pecado não pode ser escondido. Eu sei - Deus sabe - mesmo que ninguém mais sabe, pelo menos, dois de nós sabemos. Encobrir o pecado só cria mais problemas.

Segundo fato...

2. O pecado nunca é sem vítimas

Davi estava afetado e infectado por suas ações. Suas ações criaram lembranças que Davi iria levar com ele o resto de sua vida - assim como você e eu carregamos as nossas memórias com a gente.

Você acha que Bate-Seba foi afetada? - Sabemos que Urias foi. E sobre o general - ele foi afetado? - Ele estava apenas cumprindo ordens. E os outros soldados que foram mortos por causa da trama - foram afetados? - Membros das suas famílias foram afetados também - embora a Bíblia não menciona esse fato. E a gravidez? E o bebê? O que aconteceu com ele? Eu lhe respondo o que aconteceu. O bebê morreu.

Como você vê o pecado tem conseqüências.

A Bíblia diz: "Você colhe o que planta".

Quando o pecado entra em cena - as pessoas se machucam. Sabemos - porque todos nós temos sido ferido. Somos todos vítimas em um mundo onde existe pecado.

Terceiro fato...

3. O pecado nunca é insignificante

Gente; aqui é um fato: Deus odeia o pecado

Não importa se é um "grande” pecado ou um “pequeno” pecado. Deus odeia o pecado.

Por quê? Porque Ele é totalmente puro. Ele é totalmente limpo. Ele é totalmente santo. Qualquer parcial minuto do pecado - Ele odeia. Se Deus tivesse um grão de poeira do pecado - isso significaria que Ele não é totalmente puro. A verdade da questão é - que há coisas em nossas vidas que nós colocamos - que aceitamos como normal - que nós permitimos em nossas vidas - que ele despreza. Um pouco de luxúria - um pouco de desonestidade - uma pouco de grosseria - um pouco de arrogância - um pouco de orgulho - nós pensamos que é normal - mas ainda é impuro e profano.

Deixe-me ilustrar este conceito neste sentido. Eu tenho uma garrafa de água aqui e eu digo: "Eu tenho essa água para você - é boa - é apenas 50% contaminada" Quer beber?

E se fosse apenas 25% contaminada?

E se fosse apenas 5% contaminada?

Gente eu não sei sobre vocês, mas quando alguém diz que a água está contaminada – Não me importar em qual porcentagem a água está contaminada. Eu não vou beber. É impura. Não é limpa. É imprópria para o consumo humano. Ela está contaminada. Se eu beber, estou colocando algo contaminado em meu corpo. Eu não preciso beber água contaminada.

Você sabia que Jesus ensinou sobre este assunto quando Ele disse: "Ouvistes que foi dito aos antigos: Não cometerás adultério. Eu porém, vos digo que qualquer que atentar numa mulher para a cobiçar já em seu coração cometeu adultério com ela" Mateus 5:27-28

Por que ele diria uma coisa dessas? Porque mesmo os nossos pensamentos lascivos contaminam nossas vidas. Nos tornam impuros. Nos tornam sujos. O desejo de Deus para você é que você seja puro e santo. Ele quer que você esteja limpo. Ele quer que você viva uma vida pura. O pecado nunca é o padrão de Deus para você e o pecado nunca é insignificante.

Quarto fato...

4. O pecado nunca é esquecido

Estou ciente de que este ponto pode ser um tanto controverso - pois sei que há ministros que dizem por aí: "Deus esquece o pecado" Eu, pelo menos não conheço este conceito nas Escrituras. Eu conheço um - que eu não esqueço de muitos dos meus pecados. Há pecados que me perseguem - como eu acho que há pecados que te persegue também. Eu desejo muito poder esquecê-los - mas eles parecem estar sempre à espreita nas sombras. Eu gostaria que eles pudessem ser esquecidos.

Eu também não acho que Deus tem amnésia santa. Eu não acho que Ele se esquece de nada. Ele se lembra de tudo - Ele se lembra de tudo - mas quando Ele perdoa Ele me trata como se ele tivesse esquecido. A Bíblia diz: "Quanto etá longe o Oriente do Ocidente, assim afasta de nós as nossas transgressões" Salmo 103:12

Deus me trata como puro - como santo - como seu filho - como um filho pródigo – voltando para casa vindo de um chiqueiro - com o cheiro dos porcos ainda em mim. Deus não menciona o cheiro - Ele o ignora - Ele me aceita - e Ele me ama. O cheiro desapareceu? - Não! - Mas Ele me trata como se eu não fedesse. Ele me aceita e Limpa-me. Lava-me! No livro de Hebreus, Deus diz: "Porque serei misericordioso para com as suas iniquidades, e de seus pecados e de suas maldades não me lembrarei mais" Hebreus 8:12

Eu não acho que isso é distração. Eu não acho que esta é uma situação de esquecimento de Deus - mas é um ato da vontade de Deus - para colocar os nossos pecados fora de sua memória. Gosto da tradução da Bíblia; Basic English:

"Eu terei misericórdia de suas más obras, e eu não vou deixar os seus pecados na mente" Hebreus 8:12 (BBE)

Deus não é distraído. Ele não é esquecido. Ele se lembra de todas as coisas. Mas, com o Seu perdão - Ele optou por não manter os nossos pecados em sua mente. Ele nos diz que quando Ele perdoa nossos pecados - Ele nunca vai trazê-los novamente - eles se foram - não estão em sua mente.

Meu pecado não é esquecido - é perdoado. Deus não se esquece - ele perdoa

Quinto fato...

5. O pecado nunca é além do perdão de Deus

Luxuria - adultério - mentiras - assassinatos - isso é o que fez Davi - ainda assim Deus o perdoou. Deus não ignora nossos pecados - Ele não os enfia em um armário - ou os varre para debaixo do tapete - ele lida com eles.

O pecado incomoda Deus? - Mais do que você e eu - e porque incomoda tanto - Ele fez algo sobre isso. Ele enviou Seu Filho para morrer em nosso lugar. Para você ver todos os pecados devem ser punidos. Todos os pecados precisam ser contabilizados. É por isso que Deus enviou seu Filho para ser punido pelos pecados do mundo. Para morrer pelo meu pecado e o seu pecado. Para assumir a nossa punição. Para morrer em nosso lugar. Jesus veio para levar sobre Si o castigo - e sofrer até morrer por você.

Gente é isso que o sacrifício de Jesus representa. Ele morreu como um castigo pelo seu pecado. Ele morreu para que você não tivesse que ser punido. Mas está aqui o segredo - você tem que aceitar o fato de que Jesus morreu por você.

Deus oferece-lhe perdão. A penalidade para o seu pecado foi paga - mas você tem uma escolha. Você pode aceitá-lo ou rejeitá-lo - a escolha é sua. Davi buscou o perdão de Deus. Davi reconheceu o seu pecado quando disse:

"Tem misericórdia de mim, ó Deus, segundo a tua benignidade; apaga as minhas transgressões, segundo a multidão das tuas misericórdias. Lava-me completamente da minha iniqüidade e purifica-me do meu pecado" Salmos 51:1-2

Conclusão: E você? Você quer aceitar o perdão de Deus hoje?

Pr. Aldenir Araújo

Postar um comentário Blogger Disqus

  1. Mito bom texto, a escolha é livre eu estou sempre junto de Cristo.
    Abraços forte

    ResponderExcluir
  2. @Principe Encantado
    Excelente colega! O melhor lugar para estar é junto a Cristo.
    Abraços

    ResponderExcluir
  3. Gostei.

    Se o irmão permitir, usarei ele na minha pregação.

    OK.

    ResponderExcluir

 
Top