16 de julho de 2017

Série: Jesus no Evangelho de João - Jesus: O Simpático Salvador

Série: Jesus no Evangelho de João - Jesus: O Simpático Salvador
Texto: João 8:1-11

Introdução: Louve ao Senhor nesta noite que há um Salvador que ama os pecadores e nos entende como nós somos. Deus nunca tolera o pecado. Mas Ele sabe do que somos feitos e Ele sabe o que enfrentamos em nossas vidas dia a dia.

Ao observar o capítulo 8 de João, descobrimos que aqui Jesus é retratado como o simpático Salvador. Leia: João 8:1-11

I. A mulher pecadora. V. 3

A. Nós vemos seu pecado.
1. De acordo com as acusações, ela foi pega no próprio ato de adultério.
2. Não parece haver dúvida sobre a culpa dela ... ela não oferece nenhuma defesa.
3. Agora, o adultério é um pecado vil, mas não é pior do que qualquer outro. (Tiago 2:10) “Pois qualquer que guardar toda a lei, mas tropeçar em um só ponto, tem-se tornado culpado de todos”.
4. A Palavra de Deus nos lembra que somos todos pecadores ... não há nenhum justo, nem um.
B. Nós vemos sua vergonha
1. Com a pressa de levar essa mulher a Jesus, seus acusadores provavelmente não deram tempo suficiente para ela se vestir adequadamente antes de levá-la a público.
2. No entanto, talvez tenha sido, ela certamente foi humilhada pela acusação pública e divulgação de seu pecado.
3. O pecado é uma coisa vergonhosa!
4. Não importa quão habilidosamente esteja escondido dos olhos dos homens, Jesus sabe tudo sobre ele e um dia será revelado diante de todos. (Lucas 12:3) “Porquanto tudo o que em trevas dissestes, à luz será ouvido; e o que falaste ao ouvido no gabinete, dos eirados será apregoado”.
C. Nós vemos sua sentença.
1. Os acusadores estavam absolutamente certos!
2. De acordo com a Lei, ela merecia morrer.
3. Havia um pequeno problema aqui: onde estava o parceiro dela? (Levítico 20:10) “O homem que adulterar com a mulher de outro, sim, aquele que adulterar com a mulher do seu próximo, certamente será morto, tanto o adúltero, como a adúltera” - (Deuteronômio 22:22) “Se um homem for encontrado deitado com mulher que tenha marido, morrerão ambos, o homem que se tiver deitado com a mulher, e a mulher. Assim exterminarás o mal de Israel”.
4. Ambos deveriam morrer por este pecado!
5. No entanto, essa mulher era culpada e ela merecia morrer.
6. Ninguém se safa com o pecado! (Romanos 6:23a) “Porque o salário do pecado é a morte ...” - (Ezequiel 18:4b) “... A alma que pecar, morrerá”.
7. Com o esforço de humilhar esta mulher e desacreditar o Senhor, eles a levaram ao melhor lugar possível.
8. Eles levaram-na para o próprio homem que poderia lidar com seu passado e seus problemas e quem poderia fazer tudo certo.
9. Nunca pense que Jesus não cuida de você. Ele é o amigo do pecador!

II. Os críticos intrigantes. V. 3-9a

A. O plano deles.
1. Estes homens tinham em mente colocar Jesus em uma situação sem saída.
2. Se Jesus simplesmente deixasse a mulher ir, então ele estaria com problemas com os judeus porque Ele seria visto como sendo tolerante com o pecado.
3. Se Ele permitisse que a mulher fosse morta, então Ele estaria com problemas com a lei romana.
4. Estes homens religiosos eram como os legalistas em nossos dias.
5. Eles não se importavam com essa mulher, seu pecado, sua alma ou seu destino eterno.
6. Tudo o que lhes importava era os seus próprios sensos distorcidos de justiça.
7. A coisa não mudou tanto! Todos os fariseus são iguais!
B. Os problemas deles.
· O plano deles poderia ter tido êxito com um homem comum, mas eles estavam lidando com Jesus Cristo, e Ele simplesmente se recusou a usar suas regras!
· Quando eles tentaram pegar Jesus, eles descobriram que encontraram sua partida.
· Observe como Ele respondeu aos seus argumentos.
1. Eles foram ignorados. V. 6
a. Enquanto conversavam com o Senhor, ele apenas se ajoelhou e começou a escrever no chão.
b. Ele não tinha nenhum uso para pequenez deles e falta de amor pelos pecadores.
c. O que Jesus escreveu? Ninguém sabe!
1) Talvez os 10 mandamentos.
2) Talvez Ele escreveu uma lista dos pecados deles que eles pensavam que ninguém mais sabia.
3) Tudo o que o Senhor escreveu no chão, certamente chamou a atenção deles.
2. Eles foram expostos. V. 7-9ª
a. Quando Jesus falou, Ele disse: "Aquele dentre vós que está sem pecado seja o primeiro que lhe atire uma pedra".
b. Neste ponto, todos os gritos cessaram e tudo o que podia ser ouvido era as pedras caindo de suas mãos e o arrastar de suas sandálias enquanto caminhavam silenciosamente para longe.
c. Vamos pelo menos dar-lhes algum crédito pelo fato de que quando eles se viram como realmente eram, eles pararam de pedir a morte daquela mulher.

Veja também:

III. O Simpático Salvador

A. Ele a encarou. V. 9b-10
1. Quando a última pedra atingiu o chão, Jesus levantou-se e encarou aquela mulher pecadora.
2. Quando ela encarou Jesus, ela estava de frente para o juiz final!
3. Ela chegou a um lugar em sua vida onde era apenas ela e Jesus.
4. Isso sempre se resume a isso!
5. Eventualmente, em algum lugar, algum dia teremos que enfrentar Jesus.
6. O que fazemos com Ele determinará onde e como passaremos a eternidade!
B. Ele a perdoou. V. 11
1. O único qualificado para jogar uma pedra se recusou a fazê-lo! ".... Nem eu te condeno..."
2. Jesus lidou com ela com base na compaixão. “... vai-te, e não peques mais”.
3. O perdão exige fé em Cristo, e a fé verdadeira sempre envolve o arrependimento genuíno ... afastar-se do pecado.
4. Jesus é nosso simpático Salvador; Ele é rígido com o pecado, mas gracioso com o pecador. (Hebreus 4:15-16) “Porque não temos um sumo sacerdote que não possa compadecer-se das nossas fraquezas; porém um que, como nós, em tudo foi tentado, mas sem pecado. Cheguemo-nos, pois, confiadamente ao trono da graça, para que recebamos misericórdia e achemos graça, a fim de sermos socorridos no momento oportuno”.

Conclusão: Jesus sabe o que você está sentindo hoje. Ele conhece suas lutas, suas falhas e Ele o ama. Tanto que Ele foi ao Calvário para morrer em nosso lugar. Você não quer vir ao Salvador hoje e encontrar o perdão dos seus pecados? Um dia, todos nos encontraremos com Jesus ... porque não vem hoje?

Gostou desse esboço? Olha a novidade que tenho para você!

Eu preparei um e-book com 365 sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá à disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! Clique Aqui para adquirir seu livro.

Previous Post
Next Post

0 comments:

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:
1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!